Comendo o cu da priminha

Um conto erótico de Gigolô Adolescente
Categoria: Heterossexual
Data: 01/08/2010 04:11:43
Nota 8.00

Eu adorei seus contos, por isso, vim contar uma história que aconteceu comigo faz 2 semanas. Sou carioca, tenho 18 anos e sou moreno, cabelos curtos estilo militar, olhos castanhos escuro, pele parda e físico médio, nem forte e nem magro, com um detalhe: meu pau mede 18 cm.

Foi aniversário da minha prima, de 15 anos, a família inteira estava lá. Só que, eu e a Jéh sempre fomos muito próximos um do outro e ela pediu para que eu fosse seu Príncipe e tudo mais: aceitei.

A festa foi boa, comes e bebes, só que a hora passou e a maioria das pessoas tinha ido embora, só restando eu, meus pais, os pais da Jéh, minha avó, além da própria Jéh. Como a casa da minha avó era longe do salão de festas, meus pais a levaram para minha casa e eu fiquei no carro dos meus tios, pois iria dormir na casa deles e dali iria direto pro trabalho na manhã seguinte. Eu só não sabia o que me esperava na madrugada.

Cheguei na casa dos meus tios, cheio de sono e arrumei logo um colchonete na sala e deitei. Apaguei por alguns minutos, quando me acordaram: era Jéh. Ele vestia uma camisolinha rosa transparente, dava para ver a calçinha e o sutiã dela.

Eu: O que foi?

Ela: Ouvi um barulho ali fora.

Eu: Não é nada.

Fiquei esperando algum som vindo do lado de fora da casa, mas nada.

Ela: Posso ficar aqui na sala por enquanto?

Eu: A casa é sua. Por quê não acordous eus pais?

Ela: Eles me matariam se eu os acordassem.

Comecei a ficar desconfiado das intenções dela e tentei provocar um pouco.

Eu: Não teve medo nada, isso é desculpa pra ficar comigo. Pode confessar.

Ela ficous em graça e começou a negar.

Eu: Me mandaram o papo que você queria ficar comigo. É verdade?

Ela: É.

Eu: Vamos?

Ela: Agora?

Eu: É, você já me acordou mesmo.

Eu só vestia minha cueca. A Jéh veio meios em graça na minha direção e começamos a nos beijar. percebi na hora que ela não tinha a menor experiência com beijos e comecei a ensiná-la. Chupava seus lábios, seua língua, brincava com a língua dela. Até que resolvi tirar uns casquinhos. A Jéh, apesar de ser magra, tem uns peitos médios quase grandes, que cabem na palma da mão e são ótimos de apertar. Passei minha mão lentamente pela barriguinha dela e comecei a chupar o pescoçinho dela. Fui subindo minha mão, até chegar naqueles melões. Na hora ela gelou de medo e tesão, percebi que ela iria falar alguma coisa e se afastar, por isso, com o braço livre a agarrei e a beijei, enquanto com a outra mão apertava os mamilos dela.

Ela foi ficando amis calma e gemia baixinho dizendo:

Ela: Primo, isso é errado.

Eu: Você não me ama?

Ela: Amo.

Eu: Então está tudo bem fazermos. Você quer?

Ela ficou me encarando um pouco, mas então disse:

Ela: Quero.

Não pensei duas vezes. Comecei a abaixar a parte de cima da camisola dela e tirei os peitos dela do sutiã. Comecei a beijá-los. Aqueles biquinhos rosadinhos me deixaram louco. Nem preciso dizer que meu pau já tava em ponto de bala. Ele foi toda desajeitada pegando no meu pau e começou a me masturbar. Fui ao delírio. Levantei a parte de baixo da camisola dela e botei a calcinha dela pro lado, tirando absorvente e tudo da frente. Mandei ela sentar no sofá da sala e fiquei admirando aquela bucetinha rosa me chamando. Caí de boca na buceta dela e ela começou a gemer, revirando os olhos.

Ela: Primo, por favor, continua.

Eu chupava os grelinhos dela virgem, que nem um cão. Meu pau não aguentava mais, estava pedindo pra comer aquela bucetinha. Foi então que ela disse:

Ela: primo, por favor, não. Eu não quero fazer isso agora. Quero que seja especial.

Aquilo me deixou sem chão, quase que meu pau caiu na hora. Olhei para ela.

Eu: Por favor prima, estou quase morrendo de tesão aqui.

Ela: Desculpa.

Eu estava ficandos em opções. Ele tinha fechado as pernas e tudo, já ia se levantar, quando eu pensei.

Eu: Prima, faz o seguinte. Eu não tiro sua virgindade, mas, vou comer seu cú.

Ela: Não, minhas amigas dizem que dói.

Eu: Não dói, se for comigo. Eu passo manteiga e você nem vai sentir dor.

Ela: primo, não, melhor...

Eu: Por favor, por mim.

Ela me encarou de novo e ficou com pena e concordou. Eu sorri marotamente e fui até a cozinha. Peguei manteiga na geladeira e passei no meu pau, lambuzando ele todo. A Jéh ficou me encarando um pouco preocupada.

Eu: Prima, abaixa a calçinha, levanta a camisola e fica de 4.

Ele começou a bambiar, mas fez o que eu pedi. Dei um sorriso ao vê-la me obedecer e levei meu rosto até aquele cuzinho e comecei a lambê-lo. A Jéh só ficava gemendo que nem uma cadelinha.

Eu: Tá gostando?

Ela: Uhum...

Eu: Espera o final.

E ao falar isso, tirei minha boca daquele cuzinho e apontei meu pau, que já latejava por sexo. Coloquei a cabecinha e comecei a empurrar. A Jéh meteu a cara numa almofada pra abafar o grito e eu continuei empurrando. Comecei a arregalar aquele cuzinho e ainda abria aquelas abas de bunda pra facilitar a entrada, mas aquele cuzinho virgem era apertado demais. Fui empurrando cada vez mais e meu pau entrava com facilidade por causa da manteiga. Comecei a fazer os movimentos de vai e vem, bombando aquele cuzinho, enquanto minha prima gemia e pedia mais: "Vai primo, me come. Porra, isso é bom demais!".

Ficamos nesse vai e vem, até ela começar a gritar e eu fiquei preocupado com meus tios acordarem. Pedi para ela não gritar e ficar quieta, mas ela nem ligava, tava amarradona em dar o cuzinho pro priminho. Continuei bombando com força naquele cuzinho, até gozar.

Dei várias rajadas de goza dentro daquele cu e caí em cima da minha prima, fraco e ainda apertava aqueles peitos lindos dela. Ficamos assim por um tempo, até ela se levantar, com as pernas um pouco abertas, o que me fez rir e ir pro banheiro. Eu nem tomei banho, caí no sono logo em seguida. No dia seguinte, foi ao trabalho normalmente e até hoje mantenho contato com a Jéh, claro que sempre que podemos, nós transamos num motel ou aqui em casa. Mas depois eu te conto como comi a bucetinha dela.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/01/2019 20:58:43
Bom
22/09/2010 15:11:33
Muito bom cara, cuzinho de prima e ótimo. Parabéns. Leia e comente meu conto: MINHA PRIMA TEVE DE ENGOLIR TODA A PORRA.
12/08/2010 23:37:23
Cara, eu já peguei minha prima, disse foi a primeira vez dela no cuzinho, porém, a danada é casada. Disse não dava pro marido porque o negócio ele era exagerado. Como o meu é comercial ela dixou. Depois disso, peguei ela muitas outras vezes. Parece que ele reservou só para mim.
02/08/2010 14:25:29
legal
01/08/2010 21:58:56
Fantasioso, mas bem escrito. A situaçao narrada eh bem erotica.
01/08/2010 21:58:06
Fantasioso, mas bem escrito. A situação narrada é bem erótica.
01/08/2010 20:37:50
Qeu conto mentiroso, como aconteceu há duas semanas atrás, ela é de menor, nem entra em motel! e vocês sempre que podem se encontram? MENTIROSO! NOTA 0
01/08/2010 13:47:21
Legal, porém, como acentuou o amigo abaixo, muito rapido.
01/08/2010 09:04:48
cara vc é muito rapido,,vc no inicio do conto diz que ia contar o que aconteceu com vcs a duas semanas atras, e ja fudeu o cuzinho da prima ,e ate ja esta indo a moteis e fudendo a bucetinha virgem dela..o conto e maravilhoso,mas o cronograma deste cabacinho esta muito rapido,ate concordava se vc tivesse tirado o cabaço dela naquela mesma noite..seria mas facil e menos dolorido pra ela doque ár o cuzinho com tanta facilidade..mas continue a nos deliciar com as suas aventuras com a priminha vadiazinha,,

Online porn video at mobile phone


deu sonífero para sogra e comeu a b***** delasucos ontem pego comendo o cu a buceta bem gostosoconto erotico com homem velho de sunga coroa grisalhoConto erotico traçando a tia lucia parte finalNovinho dotado fudeu a bucetinha da mocinha e arrancou as pregas do cursinho delacontos eroricos minha filhae enlouquecexporno loko disparao do pautia pedi pra o sobrinho impurrar tudo e diz vou gozarvídeo e Lucas não vai perdoar ninguém porta magrela seca sem denteRabetao quadril largo nuaconto anal exagero rabopornô dois negão chega na porta de uma mulher com cheque de r 1000papai super dotadoxvidiosvídeos de arretando do Duqueconto gay meu amor psicopatacontos eroticos dei para um vizinho de iptingaContos eroticos esposa madura ajudando menino de ruaXVídeos mataram na chopada irmão quartoContos erotico nora novinha ouvindo a sogra chorando no picaovideo cazeiro novinha levando pica do painho em baixo da cobertasexo porno meu professor foi me visita pra me da reforço,e acabou me chupandomeu amante me come todo mesXvidio enfindo.o pemeu aluno cacetudo contosxvideo cadeiro chupa ai lalazinha seu piranhapequei aprimar dormino. sodecalcinha. efude elar no xvideocontos eroticos deve velhas sonhado sendo possuidas por negoes8pega baixa vidio pornovarios machos fazendo reforma na casa do corno termina fazendo gang gang com sua esposa puta tarada por rolaamor vc deixou ese safado me comer pornodoidogosando n ponto xmaster lindas n metronegão com uma chapuletada pomba muito grande enfiando em loira gostosaNa verdade irmao que foram arrebatados e zDcontos encoxando e penetrandoarromba meu c* que é para quando o c**** chegar em casa meu c* tá toda arrumadinha XVídeosmulher tcheca dando a buceta pro enteado comercontos levei minha mulher pra fuder com o kid bengalaele foi retribuir.o favor q a irman lhe fez pornodoidoConto dando sonifero enteadagortavo trasandoeu, minha namorada, mae e tio contoeroticocontos sexo gay chulémulheres nojona de tanto tesaogostosa.foi.faser.xixi e.tarado.atacolfilme porno fazemdeira dando pro piao dotadonovinha dormindo pornô de novinha dormindo Adega no pinto do irmão dormindomama no caralho quando conduzo video pornocontos tia puta tio corno mansotio seu pau nãovai caber na minha buceaprica cavalacontos eroticos de pescadores velhos iperdotados comendo meninosquero ver metendo na mulher essas porcarias transandoxvideos de puto corneteira caseirao amigo do meu marido me estrupou contosemfregando a bçeta no buzu e metou pornoo padre e o menino contos gay o pau muito grande rasgando a piranha cmx videoRabetao quadril largo nuabuseta.ibumbumxvideos. sexo. estoria. encardinhojuliana jemeno no pau groso ponodoidonovia com muita tezao se esfergado no traviseiromãe gordinha dê mini saia arregalou a buceta para o filhocavalonascontosvideo sexo mulherzinha nova traino seu marido com cunhado mulecaoNinfetas mamando rola no cinema contoseroticosMulhers de abatia filmo vdio caseiro pornoContos eroticocm travecpai mae filho filha pelados contos eroticos com fotospai picudo comendo filha em BelémContos eroticos adestrando o viadoxvideo novinha batendo sirirca chamando por biel ate gosameninde shortexnxxminha esposa dis q ta gosano filme pornovídeos amador de homem tirando a calcinha da mulher no ônibus e ela fingindo que tá dormindoConto erótico menina e deixa pelada na escola e humilhdapornodoido cunhadacaivídeo da Sarinha do homem lambendo pequena mulher a mulher lambendo o pau do homemfotos das nobvinhas do bumbumzaoarrobadapoumponeporno mulheres levam choques na buceta e se tremem todas com as pulsaçõesconto novinha no celeiro zoofiliaxvideos sheila bordel novelacontos de incesto brincarXVídeo mucama transando com feitor