DESPEDIDA DE SOLTEIRO – CAPÍTULO 35 – Minha Doce Sedução

Um conto erótico de Manu Costa (Manolo Fernandes)
Categoria: Homossexual
Data: 28/04/2013 00:44:33
Nota 9.68

Parte 1 – Jonas na Cova do Leão III

A pessoa amoral não tem nenhuma consideração pelo outro, age de acordo com suas conveniências e é capaz dos golpes mais baixos, sem se preocupar se vai ferir ou machucar a pessoa que pensa que ama. Foi exatamente isso que Brunno fez, foi criando intrigas e criando situações, sem dar chance de imunidade pra mim e Cláudio.

Quando retornei do banheiro ele não estava lá e eu agradeci imensamente a Deus por isso. Bateu uma saudade tremenda do Meu Grandão e eu fui correndo ligar para ele. Mas “cadê meu celular?”. Vasculhei o apartamento inteiro e nada de encontrá-lo. Procurei lembrar-me onde eu poderia ter deixado e só veio em minha mente o carro que Brunno me deu.

Não tive alternativa, fui procurar meu telefone dentro do carro luxuoso, que estava estacionado no próprio hotel. Já havia percebido que Brunno tinha deixado as chaves e os documentos do carro em cima da minha cama. Procurei milímetro por milímetro e não consegui reaver meu celular. Voltei imediatamente para o apartamento, fiz outra busca e desisti, pensei ter deixado cair, mas eu tinha certeza que havia chegado ao quarto com ele.

Liguei do hotel pra mim mesmo e nada e só dava em caixa postal. Como eu precisava era falar com meu Grandão, eu liguei para Cláudio e também só dava na caixa postal. Tentei falar na delegacia e ele não estava. Meu coração foi ficando apertado. Desci para jantar e vejo Brunno, que estava do outro lado. Ele simplesmente deixou as pessoas que estavam jantando com ele e veio ficar comigo “que carma”, pensei comigo.

“Jonas meu querido, pensei que você não fosse descer para jantar. Eu já estava pra subir pra te chamar, até liguei pro teu celular, mas você não atendeu”.

“Brunno, deixa de palhaçada e devolve meu celular. Eu lembro bem que eu entrei com ele, pois eu consultei a hora que voltamos e depois larguei meu celular em cima da cama”.

“Credo Jonas, que juízo você faz de mim? Tá me chamando até de ladrão agora. Você me acha um monstro mesmo né?”.

“Desculpe, mas você quer que eu pense o que? Só você entrou no meu apartamento”.

Ele deu um sorrisinho cínico, colocou a mão no bolso e devolveu meu celular, que estava desligado, “foi só uma brincadeirinha”. Eu imediatamente saí de lá e tentei falar com o Cláudio e nada. Voltei pra jantar e o safado ficou lá me enchendo. Eu passei a agir com frieza. Seu assédio não tinha mais nenhuma importância, estava preocupado mesmo era com meu homem, que havia sumido.

Terminamos de jantar e Brunno me convidou para tomar um drink, mas eu recusei e voltei para o quarto. Percebi que ele ficou muito decepcionado, mas eu pensei “dane-se, idiota”. Quando estou quase pegando o elevador eu ouço a recepcionista do hotel me chamar “Senhor Jonas Santiago, telefone para o senhor”. Achei que era a minha mãe, pois sempre que eu viajo eu deixo o número do local onde estou hospedado, mas para minha surpresa era ele.

“Amor que saudade, eu tentei te ligar e não consegui falar contigo. Aconteceu alguma coisa?”.

“Coincidência não é Jonas? Eu também tentei muito falar com você e só agora consegui, isso por que eu peguei o número do hotel com tua mãe. Parece que você estava muito ocupado”. Ele falava com rispidez e eu não estava o reconhecendo.

“Amor! Por que você está falando assim comigo? Aconteceu alguma coisa?”.

“Eu vou ser muito direto com você Jonas. O que o Brunno estava fazendo no teu apartamento e atendendo teu celular?”.

“Como é que é amor? Do que você está falando?”.

“Eu estou falando que eu liguei pra você e Brunno atendeu e ainda teve a cara de pau de dizer que era teu namorado e que vocês tinham acabado de transar”.

“Amor, isso é mentira. Não acredita nisso não Meu Grandão. Ele foi ao meu quarto por outro motivo e o safado ainda pegou meu celular. Olha, eu vou pro meu quarto, me liga agora no meu celular que eu quero falar contigo”.

E saí em disparada. Passei por Brunno, que me olhava como se não estivesse entendendo nada. Eu estava com ódio daquele filho de uma ronca e fuça. Assim que eu cheguei Cláudio me liga e eu explico tudo pra ele. Falei sobre o comportamento do Brunno e sobre os presentes que ele estava insistindo em me dar.

“Era por isso amor, era por isso eu não queria que você viajasse sozinho com esse cara. Eu não estou aí pra te defender meu pequeno”.

“Mas você não acreditou na história daquele idiota não né amor?” Você confia em mim não é?”.

“Claro que eu confio em você amor e é óbvio que eu não acreditei nele. Mas poxa, se coloca no meu lugar, eu fico com ciúmes, eu tenho medo que ele faça alguma coisa contigo meu pequeno e eu não estou aí pra te defender”.

“Eu entendo teu lado amor, mas não se preocupe, eu sei me defender”.

“Eu sinto muito amor, mas esse cara é perigoso, ele é como um leão, sempre esperando sua presa. Eu sei que com uma pessoa normal você saberia se defender, mas ele não é normal e você sabe disso”.

“Olha amor, faltam poucos dias, logo estaremos juntos de novo e eu vou dobrar a minha guarda. Não irei dar nenhuma brecha pra esse louco se aproximar de mim”.

“Jonas, eu vou praí se você quiser”. Eu respondi “menos amor, menos, eu sei me defender”.

E ficamos falando muito, contei sobre o sucesso do evento e minha participação. Foi mais de uma hora de ligação. Aproveitamos pra matar a saudade e renovar nossas juras de amor. Depois do telefonema eu ainda não estava conformado. Fui ao salão do hotel e vi que Brunno não estava lá. Pensei comigo “melhor assim, senão a cobra ia fumar, mas amanhã eu pego esse cretino e ele vai conhecer quem é Jonas Santiago Costa”.

Passei uma mensagem de boa noite pro meu amor, que me respondeu de forma carinhosa. Eu fiquei pensando em tudo o que eu e Cláudio tínhamos vivido esse tempo todo, desde que a gente se conheceu, fiquei morrendo de saudades e liguei pra ele de novo.

“Só estou ligando pra dizer que eu te amo, pra pedir pra você confiar em mim e que ninguém vai me tirar de você. Sou teu senhor Cláudio Mattos, meu Grandão”.

“Amor, como eu fico feliz com teu carinho. Eu estou deitado aqui de pau duro, pensando em você. Meu pequeno eu sou viciado no teu corpo e assim que você chegar eu irei te pedir oficialmente em casamento, falarei com meus sogros imediatamente”.

“Nossa amor, agora eu estou realmente emocionado, eu te amo Cláudio”.

“Eu te amo e quero você pra sempre meu pequeno. Dorme bem tá e não se preocupe, eu irei sempre te proteger desse maluco ele não vai conseguir afastar a gente”.

Eu dormi sorrindo, pois percebi que meu amor realmente confiava em mim e eu era o cara mais feliz do mundo. Infelizmente não sabia que Brunno tinha colocado uma micro escuta no meu celular e estava ouvindo toda nossa conversa.

Ele começou a chorar e rir ao mesmo tempo e falou para ele mesmo fechando os punhos “vai esperando casalzinho. Essa semana mesmo vocês estarão com ódio um do outro e então Jonas, você finalmente vai cair em meus braços e ser meu pra sempre, nem que seja a última coisa que eu faça em minha vida”.

Continua...

__________________________________________________________________________

Parte II – Seduzindo meu Amor

______________________________________________

Só Pro Meu Prazer (Leoni)

Não fala nada

Deixa tudo assim por mim

Eu não me importo

Se nós não somos bem assim

É tudo real as minhas mentiras

E assim não faz mal

E assim não me faz mal não

Noite e dia se completam

O nosso amor e ódio eterno

Eu te imagino, eu te conserto

Eu faço a cena que eu quiser

Eu tiro a roupa pra você

Minha maior ficção de amor

Eu te recriei, só pro meu prazer

Só pro meu prazer

Não vem agora com essas insinuações

Dos seus defeitos ou de algum medo normal

Será que você, não é nada que eu penso

Também se não for

Não me faz mal

Não me faz mal não

Noite e dia se completam

O nosso amor e ódio eterno

Eu te imagino, eu te conserto

Eu faço a cena que eu quiser

Eu tiro a roupa pra você

Minha maior ficção de amor

Eu te recriei, só pro meu prazer

http://letras.mus.br/leoni/________________________________________________

Narrado por Cristiano

Almas Gêmeas, era exatamente o que eu e Fernando éramos e mais do que nunca eu estava certo disso. Nossas alianças ficaram guardadas à sete chaves e em breve voltaria para nossos dedos. Depois daquele dia que eu saí da casa do meu amor e ele não quis me perdoar, eu resolvi não insistir, eu daria a ele o tempo que ele precisava. Vocês acham que eu fiquei frustrado? Podem não acreditar, mas eu fiquei muito feliz.

Primeiro por saber que ele ainda me amava, estava magoado, mas me amava. Segundo por não ter me querido de imediato, sim, eu precisava conquistá-lo, precisava conquistar seu amor novamente e ser digno dele, essa era a minha missão dali para frente, não tinha ideia como faria, mas Fernando seria meu novamente.

A sorte sempre dá uma forcinha para os amantes verdadeiros e ela finalmente apareceu. Eu passei dias pensando como reconquistar Fernando. Procurei tocar minha vida normalmente, estudando e trabalhando. Minha adorável amiga Lu sempre me dava forças e pra minha surpresa, muitos torciam por mim e Nando: minha família toda, a família do Nando, nossos amigos, a maravilhosa Antônia e pasmem, Thiago e Glauber amigos e sócios de Fernando também. Eles todos sem exceção acreditavam no nosso amor e pediram pra eu não desistir do meu amor, coisa que eu fiz um dia e jamais voltaria a fazer.

Em um dia comum de trabalho eu recebo um e-mail institucional com uma lista de hóspede do hotel de selva que fazia parte da empresa em que eu trabalhava. Eu quase tive um troço quando eu vejo o nome – Fernando Alberto Villaverde – minhas esperanças voltaram, era esse o sinal que eu estava esperando “Lu, meu Deus, a sorte está do meu lado Lu”.

“Que foi louco? Acertou na megassena? Por que você está pulando?”.

“Melhor que isso minha amiga, melhor que isso. Finalmente eu vou ter o meu homem de volta”.

“Mas como assim, o bofe gosta de ti, mas está muito magoado”.

“Não importa, agora está tudo claro, eu já sei o que eu vou fazer. Eu vou pro hotel de selva e vou assumir a gerência lá por uns dias, ele vai estar lá”.

“Ai gato, você mal foi promovido à gerente do Manauense e já quer ir pro hotel de selva? Acho que vai ser difícil”.

“Aí é que você se engana. Eu só preciso de uns dias lá e o Andrade pediu uns dias de licença, falou pra eu ficar lá no lugar dele, mas eu recusei. Agora eu vou. Caraca eu tô muito feliz Lu”.

Eu peguei a Luana e fiquei rodopiando com ela, dancei, sorri, lagrimei. “Ei, se eu não soubesse que você gosta de outra fruta eu já ia ficar com ciúmes da minha namorada” falou Mário se aproximando da gente. Eu aproveitei e dei um beijo no rosto dele também e fui correndo falar com Seu Augusto (gerente geral), eles ficaram rindo da minha palhaçada.

“Eu sinto muito Cristiano, mas você recusou o convite, eu consegui outro gerente pra ficar no lugar do Andrade, vai haver um evento importante lá no hotel e eu preciso de um gerente que trabalhe noite e dia”.

“Eu trabalho dia e noite, eu não dormirei, mas por favor deixa eu ir. O senhor não vai se arrepender, eu só lhe peço uma chance seu Augusto”.

“Nossa mas, por que tanto interesse Cristiano? Você é o meu gerente mais jovem e eu o considero com um grande potencial, mas eu não sei se eu posso mais mandar você”.

“Seu Augusto eu lhe imploro, deixa-me ir. Eu preciso dessa experiência. O senhor não vai se arrepender”.

Ele pensou e disse “Tá bom, peraí que eu vou resolver isso”. Ligou pro outro gerente, que aceitou ficar no meu lugar, enquanto eu iria passar 10 dias no hotel de selva.

“Pronto Cristiano. Não sei por que tanta insistência, mas você conseguiu o que queria. Só tem um detalhe, você tem exatamente 2 dias pra se preparar pra ir, pois o Andrade vai te repassar tudo em dois dias, a mulher dele vai ter bebê e ele ficará 10 dias afastados. Outra coisa, você não vai ganhar nenhum extra por isso”.

Eu Concordei com tudo, dei um beijo na careca do velho e disse “Seu Augusto, o senhor é o melhor chefe do mundo”. Ele sorriu, balançou a cabeça e eu sai rindo com as paredes.

Eu voltei pra perto da Luana e do Mário com cara de triste. Eles ficaram com pena de mim, até que eu dei um sorriso largo e gritei “eu consegui. Eu vou passar 10 dias com o Fernando, tempo suficiente para tê-lo de volta”. Eles riam muito, pois eu parecia uma criança.

“Mas você sabe que lá tem muito trabalho né? Você vai ralar muito e não terá tanto tempo assim pra ficar com ele não”.

“Não importa Lu, eu não como, eu não durmo, eu não terei folga, mas o Fernando vai ser meu de novo e agora eu irei precisar muito da tua ajuda, quero ficar lindo pra ele, quero dar uma transformada no visual e deixar esse ar de menininho de 23 anos, eu seduzirei o Fernando como homem agora, ele vai conhecer outro Cristiano”.

E assim nós o fizemos. Eu fui a um salão de beleza. Fiz tudo o que eu tinha direito, só um detalhe, deixei a barba crescer e apenas aparei: fiz limpeza de pele, cortei o cabelo e colori de maneira diferente, fiquei meio aloirado, passei por uma sessão de bronzeamento artificial, fui ao dentista. Compramos roupas mais formais e chiques e ao final, eu e Lu fomos pra casa e eu experimentei tudo. Gastei uma fortuna no cartão de crédito, mas dane-se, valeria a pena.

“Nossa Cris, você está mais lindo do que nunca. A barba, a cor do cabelo, as roupas, você parece outra pessoa. É claro que é o Cris, mas parece um homem bem mais velho, mais sedutor, o bofe vai ficar louco quando te ver”.

“Aí é que tá, eu quero que ele não me reconheça de imediato. Eu já bolei tudo. Ele não me escapa Lu. Eu só sairei daquele hotel com o meu marido de volta, sem chance pra defesa, quando ele quiser pensar, já será meu de novo”.

E assim eu fiz. Os dois dias passaram rápido e eu parecia outra pessoa mesmo. Vesti um ar de senhor e deixei o menino inseguro pra trás, até seu Augusto aprovou a transformação. O treinamento foi tranquilo, pois eu já conhecia o funcionamento do hotel e aprendi tudo com facilidade, agora quanto ao trabalho, isso eu posso afirmar que era grande de mais.

No dia da Chegada do Fernando muitos hóspedes também chegaram. Eu pedi ao casal recepcionista que fosse esperar Fernando e me avisasse a hora exata em que ele estava desembarcando, assim eles o fizeram.

Eu fiquei de costas, fingindo mexer em uns papéis. Senti sua chegada pelo perfume do meu homem, que exalava o ambiente. Fiquei super nervoso, mas pensei comigo “aja com naturalidade, faz de conta que você é outra pessoa e não sabe de nada”. E assim o fiz. Percebi que ele ficou parado atrás do balcão, ele não havia me reconhecido, até que falou “Eu sou Fernando Alberto Villaverde, o senhor é o gerente do hotel? Gostaria de ir direto para meus aposentos”.

Eu vire-me para ele com o melhor sorriso que eu poderia dar “pois não senhor Villaverde, eu mesmo vou acompanhá-lo a seus aposentos”. Ele não conseguia tirar os olhos de mim, espantado e eu olhei fundo em seus olhos e ele perguntou “Cristiano? O que você está fazendo aqui?”

______________________________________________________________________________

Breve Narração de Fernando - Ele estava de costas, parecia que estava olhando uns papeis, estava bem vestido, como era adequado a um gerente. Dava pra ver que era um homem belo e bem jovem. Eu fiquei bastante curioso e falei “Eu sou Fernando Alberto Villaverde, o senhor é o gerente do hotel? Gostaria de ir direto para meus aposentos”.

Ele virou-se. Era um homem lindíssimo. Com um sorriso encantador no rosto me falou “pois não senhor Villaverde, eu mesmo vou acompanhá-lo a seus aposentos”. E eu não conseguia tirar meus olhos, dos olhos dele “Cristiano? O que você está fazendo aqui?”

______________________________________________________________________________

“Eu trabalho aqui Sr. Villaverde. Eu assumi a gerência do hotel por uns dias em substituição a um colega que está de licença paternidade, a propósito seja bem vindo e sinta-se à vontade em nosso recanto. Essas são suas malas? Acompanhe-me por favor”.

E fui caminhando lentamente e ele atrás, sem entender o que estava acontecendo. Foi a primeira vez que eu vi Fernando com cara de bobo, pois geralmente ele sabe o que fazer em todas as situações e acaba dominando tua em sua volta, mas aquele momento era diferente.

Ao chegarmos em sua suíte, uma das melhores, eu procurei agir com naturalidade e profissionalismo. Mostrei tudo pra ele e disse que se precisasse falar comigo era só ligar. Desejei boa estadia. Ele só me olhava boquiaberto, até que eu me despedi “tenha uma boa estadia Sr. Villaverde, se precisar de algo é só chamar” e quando eu ia saindo ele segurou minhas mãos e me puxou “o que você pensa que está fazendo Cristiano? Por que você está tão diferente?”.

“Eu sou o mesmo. Eu só mudei o visual, pois agora sou gerente e preciso parecer um homem mais maduro. Você não gostou?”.

Ele supirou e falou “Eu amei. Você está lindo. Mais bonito ainda. Parece mais homem, mais maduro. Eu estou confuso. Você é o meu ninfeto, mas ao mesmo tempo parece outra pessoa”.

“As pessoas mudam senhor Villaverde. O senhor mesmo mudou muito e agora eu sou a prova de que as pessoas podem mudar também. Descanse, depois nos falaremos”.

Fui saindo e ele me puxou novamente e disse “não sem antes me dar um beijo”. Ele me beijou com furor, como se eu fosse escapar dele, claro que eu correspondi e me enrosquei nele, passei meus braços por volta do seu pescoço e ele começou a me apertar.

Ficamos nessa maravilhosa experiência por alguns minutos e minha farsa já estava se esgotando. Eu já me entregava pra ele como o ninfeto que ele conhecia, até que eu consegui sair dos seus braços “eu preciso ir seu Fernando, não fica bem o gerente do hotel ficar beijando o hóspede, depois eu virei ver se o senhor está precisando de alguma coisa”.

“Volta aqui, volta aqui Cristiano, você não vai me deixar de pau na mão. Eu estou sem transar faz muito tempo e você sabe que eu sou louco por você, por favor, pelo menos uma vez”.

Eu sorri e falei “depois eu volto, mas eu vou logo lhe avisando, que eu sou bem difícil”.

Ele gritou baixinho “Cris, vem aqui, eu preciso de você. Não me deixa com o pau na mão”.

Eu saí rindo e louco de vontade de ficar e me entregar pra ele. Senti seu cacete duro furando a calça. Ele estava na pedra, mas eu também estava e em breve eu satisfaria meu homem. Não posso descrever a felicidade que eu estava, ele era realmente meu, sentia em seu olhar, em seu desejo, em seu toque e principalmente em seu beijo.

Nem sempre o que planejamos sai exatamente como o planejado. Quando o jantar foi servido eu vi Fernando rodeado de mulheres e havia uma espanhola lindíssima. Ela era ruiva, cabelos longos, alta, encorpada, um tom de pele rosa. Eu vi meu homem conversando e rindo com ela, eles falavam espanhol, aproximei-me e ouvi quando ela disse na maior cara de pau “usted es un hombre muy encantador Fernando” e ele sorrindo todo derretido respondeu “y la señorita es una mujer perfecta señorita Lucia”.

Aquilo me subiu a cabeça e eu fui lá. Se aquela galinha espanhola pensava que iria ficar com meu homem assim facilmente ela estava enganada. Eu me aproximei e falei “Senhor Fernando, seus sócios estão ao telefone e querem falar com o senhor com urgência”.

Ele olhou pro celular dele e disse “ah, meu celular descarregou (mais um golpe de sorte). “Lucia con su permiso, tiene que retirarse en una breve charla” e o traste ainda falava em espanhol. Ele foi me acompanhando até a sala da gerência. Quando entrou ele foi atender ao telefone e só dava sinal de ocupado “eu acho que eles desligaram”.

“Desligaram nada, não havia telefonema nenhum. Então você continua o mesmo Dom Juan, não é Fernando? Se você pensa que vai ficar com essa vaca espanhola, você está muito enganado”.

“Então você está com ciúmes? Isso tudo foi um golpe de ciúme? Apesar da aparência diferente você continua sendo o meu ninfeto, eu adorei isso”. E foi se aproximando.

“Você pode até se engraçar pra ela, mas eu vou mostrar quem manda”. Tive a impressão que ele ficou todo derretido e eu deixei parte da minha máscara cair.

Ele voltou, mas por uma sorte do destino ela não estava sozinha. Ficaram muitos hóspedes conversando, mas percebi que a piranha não tirava os olhos do meu homem. Eu teria que agir rápido. Descobri que a desgraçada era filho de um rico empresário que estava fazendo uma visita à Amazônia.

Fernando como sempre, encheu a cara e estava um pouco tonto. Quando eu percebi que ela se prontificou a ajudá-lo eu tomei a frente e disse “puede dejar niña te llevo a tu cuarto Fernando. Venha seu Fernando, eu mesmo irei ajuda-lo”. Ela ficou sem ação. Eu simplesmente subi com cambaleando, enquanto ele dizia “você ainda me ama Cris? Eu nunca iria te trair com ninguém”. E eu disse “sei seu traste, se eu não ajo mais rápido...”.

Eu entrei com ele em sua suíte, tranquei a porta e o levei para cama. Tirei toda a sua roupa, inclusive a cueca. Ele começou a rir “hahhahahahahhaha”. Eu fulo da vida falei “tá rindo de que traste? Trata de dormir, de manhã você tem muito trabalho”.

Ele sentou-se na cama e disparou “Hahahhahahah, eu não estou bêbado, eu só queria que você viesse pra cá comigo e eu consegui, hahahhahahah, agora você não vai escapar de mim”.

Eu pulei pra cima dele, o empurrei e ele caiu de costas no colchão “e quem disse que eu quero escapar de você?”. Tirei minha roupa, fiquei em cima dele e dei um beijo de tirar o fôlego.

Ele respondeu “Eu te amo meu amor, meu ninfeto”, “e eu te amo seu traste, eu sou louco por você” ele me apertou e continuamos nosso beijo apaixonado...

Continua...

Este capítulo veio ressaltar a importância do amor e da sedução. Sim meus queridos, devemos sempre conquistar a pessoa amada. Importante observar que Fernando vibrou e ficou encantado com um homem lindo sim, mas esse homem era o Cris e Jonas é bem mais forte do que parece.

Capítulo Dedicado aos meus amados amigos, que sempre acompanham com muita cumplicidade, alegria e seriedade nossa Saga Romântica, lembrando que a ordem não importa, mas vocês sim.

D.D.D

Edu19>Edu15

afonsotico,

hpd,

frannnh

LucasM.

Piih e Télo.

lugrey

vivi_souza

Jhoen Jhol

Juniormoreno

Guga05

Caio

Tall young

Bernardo.18;

Amigo Real:

CrisBR:

Educps

Sparrow

cruzlima

sonhadora19

vivi_souza

Lipe*-*

J42

Ótimo final de semana para todos e todas e fiquem com Deus l!!!!

As. Manu Costa


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Manu Costa a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/05/2013 15:56:57
To emocinado, que dedicatória de amor mais linda entre este casal , Cris e Nando que sirva de exemplo pra muitos e muito obrigado manu por trazer essa linda história e ter o privilégio de le-la me enche de alegria e emoção !!
01/05/2013 20:59:30
ODIANDO O BRUNO E AMANDO OS SEUS CONTOOS ! TE AMOOO
J42
01/05/2013 18:35:33
Escritor, que dizer, nervoso com este Bruno.
J42
01/05/2013 18:35:00
Que susto, era o Cris o gerente, assim vc nos deixa apreensivos, nota 10, adorei os dois terem se entendido até o momento. Raiva deste Bruno, que pilantra, nesta saga o vilão devia morrer, quem vota no Bruno, vamos abrir uma votação, influenciar o autor.
01/05/2013 17:35:45
ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!! estou tao feliz nao acredito que o Cris e o Nando estao juntos de novo!! o amor sempre vence no final!! adoro voce!!!
30/04/2013 14:14:25
Não me canso de dizer, fodástica essa historia. Que bacana essa reviravolta mesmo sendo entre o Nando e Cris. Demais essa ideia do Cris que esta valendo a pena. Tomara que jojo não seja vítima do Bruno, ele tem que perder, não gosta de ver as pessoas felizes. Surpreender é sempre bom!!! Abraços!!!
29/04/2013 11:08:53
Deliciosamente delicioso... Adorando tudo!
29/04/2013 09:24:45
Meus amados, paz e bem. Ponderando umas coisitas: Bernardo, Piih e Télo o desfecho do Brunno será surpreendente. Otília S. saudades o Nando deu um golpe de mestre mestre mesmo né? E o Cris é ciumento mesmo, mas ele está amadurecendo. D.D.D. li teu conto amado, achei maravilhoso.Lucas M. 10 é você querido, sempre apoiando os escritores. Junior Moreno eu li teu conto amado. gpstei e parabéns pela ousadia.Lipe também estou feliz pelo Cris e Nando. Vivi, você é muito esperta garota, hahahha. HPD adorando teu conto também amado. Frann e Lugrey, obrigado pelo apoio amadas. Sonhadora, ainda bem que nosso casal se entendeu né? Medo é do Brunno mesmo né amada! Edu19>Edu15 te peguei direitinho né, kkkk e acredito que também outros caíram, o gerente sempre foi o Cris, o encontro no hotel já estava precisto há muito tempo.Jhoen Jhol você é muito engraçado, me espoquei de rir vc envocando a Nazaré Tedesco pra matar o Brunno, kkkkk. Afonsotico não fica com raiva do Jojô, é que fica difícil agir com racionalidade perto de um psicótico mesmo, o Jonas é esperto, mas Brunno é quase (falei quase) imbatível. Educps vai haver um outro obstáculo mesmo amado e esse será uma prova de fogo maior ainda.Will16 adorei teu comentário amado e seja bem vindo ao nosso clube, kkk. Respondendo as tuas perguntas, os personagens são reais e a maiorias dos fatos também, claro que eu conectei tudo e escrevi em forma de romance pra ficar legal e espero que esteja gostando, mas a saga é inspirada em fatos e pessoas reais.Beijos meus amados e obrigado pelo apoio.
28/04/2013 23:09:46
Cara começei a ler seus contos esses dias, só agora consegui ler todos eles. Ainda mais u que demoro um bocado pra ler kkkkkk! Mais valeu a pena ler todos, cara vc escreve muito bem, sua história é perfeita !!!!!!! O Chris e o Nando sao almas gemeas mesmos, nesses ultimos capitulos ja tava preocupado pq o Nando tava começando a demorar muito voltar com o Chris, ainda vc da vc vem me dar o susto no final do CP 34 o Fernando falando q estava encantado no gerento do hotel e nao falou quem era, ja tava me preparando pra soltar o cachorros no Fernando achando q ele ia ficar com outro cara sem ser o Cris kkkkkkkkkkkk ! Cara adorei quando o Chris deu aquela surra no Johnny ( nao sei sé é assim q escreve ), e quando deu aquela bela humilhada na Sabrina, ainda mais quando o Fernando completou com tudo prendendo todo aquele povinho do mal !!!!!!! Só falta agora o piscopata do Brunno, eita q carinha falso e cinico, teve até uma hora q eu quase acreditei q ele tava bonzinho, mais pelo visto só é um louco mesmo !!!!!!!!! Mais o JoJô tem seu super delegado para ajudar ele a nao cair na labia do Brunno !!!!!!!!! Mais eu acho q o Jonas ta dando muito mole pro Brunno, ele esta subestimando demais ele e nao vai se dar muito bem se nao abrir mais o olho !!!!!!!!!!! Enfim teu conto ta todo perfeito nota 10 !!!!!!!!!!! Só nao entendi uma coisinha do teu conto, os nomes personagens sao baseados na vida real ou tudo e real ???????? Teu conto ta D+ !!!!!!!
28/04/2013 22:27:43
Por sinal,não pare de escrever hehehe
28/04/2013 22:26:59
Adorei,ótimo saber que os dois ficarão juntos,mas como você é um escritor muito bom,não deixo de me perguntar qual será o próximo obstáculo a ser enfrentado
28/04/2013 13:16:27
O jojo ta merecendo uma surra. Onde ja se viu ir com o outro e ainda querer da uma de dificil. So de aceitar os presentes ele incentiva cada vez mais o outro a investir nele.!
28/04/2013 12:46:57
Acho que a Nazaré está precisando fazer uma vista ao Brunno ou dá umas aulas para o Jonas MUUHAHAHA. Só do Cláudio não ter caído no papo furado do Brunno já é um alívio, fiquei com medo do que ele está planejando. Minha Nossa Senhora Protetora da Amazônia ainda bem que os dois se entenderam pensei que iria demorar séculos para eles voltarem, pelo visto o visual do Cris parou até o cérebro do Fernando hahahaha, o amor deles vai além da beleza externa. Abraço!
28/04/2013 10:53:26
Kkkkk dessa vez vc me pegou eu pensei que era outro cara e não o Chis pareci que nosso casal vai se acertar, e o Brunno caramba ele me surpriende cada vez mais no quesito loucura ainda bem que o Claudio não acreditou nele.
28/04/2013 08:29:31
Amei. Ainda bem que o gerente gato era o cris, e que os dois estão bem denovo. Esse fernando é bem esperto fingindo de bêbado só pro cris ir atrás kkkk muito bom. Parabéns pro cláudio que confiou no jonas e não caiu na conversa do bruno. E o jonas por ter sido forte e não cair na conversa fiada do bruno. E agora o que vai acontecer ?o que o bruno vai aprontar dessa vez? E o cris e o nando como vão ficar? Continua logo ansiosa pelo próximo. Até mais.
28/04/2013 08:28:15
Amei!!! (-:
28/04/2013 07:50:45
perfeito
28/04/2013 07:08:01
Incrível. Que bom que o tal gato era o Cris, amo seu conto sabes disso.
28/04/2013 06:21:04
sabia que era o Cris,esses dois são perfeitos juntos e pra variar "bola dentro Jonas" , e Mattos parabéns pela confiança no seu AMOR....ele merece.
28/04/2013 05:44:45
Baixaria.com coitado do jonas, mega feliz pelo naneo e o cris

Online porn video at mobile phone


conto eroticos gay estuprado na festauma gostosa tirando valsinha para dar bucetaconto meu mestre quer outra escravadescuidando xvídiopirocas grossas veiudas babando fotosnovinha dormindo pornô de novinha dormindo Adega no pinto do irmão dormindoas novinha de fazendeiro que dá 10 as novinhas fazendo dele para pegar vídeos cabacinhasou uma mulhe muito tarada por pau na xoxota mais gozo rapido de mais quero demora mais que faco minda umas dicas aicuzinho mulher no comando rebola analxvideos home coroa negroBaixinhoporno sobrinho vai dormi mais tia e fica de pau duro embaixo do lencoucontos eiroticos leilapornXsvideos timida depilando o super dotadomenininhas fazendobrincadeiras de mostrar a xoxotinhas pras outrascasada esperando o negao pra ser bagaçadaconto crente com fogo na bucetagang bang no onibus contoscontos erot marido humilhadocontoerotico eu namorada mae e tiobunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxconto gay nerde xvedeo filho na aquenta ve sua mae de calsinha e acoxa elamae da a buceta pra.compagar divida do filho contos eroticosxsvidio meniana e menino de menor traçadobaixar XVídeos novinha não aguenta com rola grossa escreve desmaiando chorando implorandoconto erotico gay de hetero garanhao a femea do negaoporno tia mim da seu celula para mim ver olha oqui eu. ajeicontos eróticos meu bundao está seduzindo meu filho pornodoido padrasto pensando tórridocontos sexo minha mãe uma damaconto erotico cadelizadaXVI de os foi estuprar a coroa mas ela gostou e gososou gostosoconto porno chupando pica com consentimeto da minha mãe des do berçoConto erotico velhinho levei a minha noite também nua da filha me trata nua mandando minha pelada nua e vizinha tá na loja com meu pequenocontos de sexo depilando a sogratirando o cabaço da mornarelato erotico uma madame na reformaler contos eroticos de padres reaiscoletanea dechupada no pau ate goza aboca cheia de porraTHeo eTonnycorno veno namorada linda dano cu e jemenogossno nu cu fa mulecapadrasto infiando a mão xvidiosexoirmá vai dormir con seu irmaoporno vedio chupando buceta forçado padrasto sexo forçado direto safado estupro gozando gostosover fitis de mulheres dando a buceta encostadas na mesa. de vestido curtocontos eroticos desabafando uma história real deu para chefe do pau grande para ser promovidadeixei ele encoxar minha mulher videosrebentado o cabaço com cacetudoConto erotico o tarado do viagra tracou o valentãoincesto lendo no colo do papaiContos mendiga pornopica da cabesa grade colocono na buseta pornoburaxada..na..coroa..bundudarapas novinho dando cu pro negao rola muito grossacontos eiroticos leilapornNei+sei+como+cabeu+aquele+pinto+na+mia+buceta+conto+eroticoconto domado dominado submisso puto putinho novinho moleque garotoconvecendo o enteado novinho le da o cuestupro esposa contos eroticoso riquinho que eu amo cap 12 casa dos contosgozou dentro da buceta e a mulhervnao queria no xvideosporno filme grande que demore😉😉xvideo gay andarinhos pastouporno familia jurássicax video pornor vovo costureira casada g qostar d jovenscontos feminização forçadaconto erotico escrava canil nuaxvideo nigro xxxvvnflho fode mae e pai enrraba o filhoCanto do priquitode manga chamando o outromenina que nao tem peito masgoza no pau gradenovinha esgassada casada xvidioSacaniha reboado nos pauzaoloirinhos lizinhos novinhos pintudos