GAROTO VENENO - Parte 14

Um conto erótico de Alê12
Categoria: Homossexual
Data: 02/05/2013 21:22:10
Nota 9.93

Gente... No próximo post, muitas coisas irão acontecer e muitas revelações. Inclusive o tal mensageiro que atormenta o Júnior. Fico feliz por estarem gostando. Mil beijos e me perdoem a demora em postar. Estou muito ocupado. Este post dedico para um cara muito legal e quero agradecer por todo carinho . Um beijo grande higuxo!

BOA LEITURA...

No hospital, uma enfermeira deu para o Júnior um anti-inflamatório e fez curativos em seus ferimentos. Seus pais aguardavam na recepção e conversavam entre si.

- Não sei por que querida, mais está história que o Júnior nos contou, eu não engoli.

- Você está achando que ele mentiu pra gente Paulo?

- Eu andei observando o nosso filho, e ele está meio estranho...

- Ai meu Deus! Será que o Júnior está usando drogas?

- Claro que não! Minha preocupação é outra... O que aquela psicóloga disse em nossa casa, ainda martela em minha cabeça.

- Mais ela disse que o nosso filho é perigoso, e nós dois sabemos que o Júnior é incapaz de fazer mal para alguém. Eu não estou entendendo você Paulo. Só porque ele não tem o nosso...

- Vocês são os pais do Júnior? – perguntou a médica de plantão, interrompendo o assunto.

- Sim. – respondeu o Paulo.

- Seu filho está melhor. Fizemos curativos e demos remédios para desinflamar alguns hematomas. Quero pedir que, continuem dando para ele os remédios que irei prescrever, por mias ou menos duas semanas. Ok?

- Pode deixar Doutora.

- Bom, o Júnior já pode ir pra casa. – ela se retirou.

Eles foram até o quarto, onde o Júnior estava sendo ajudado por uma enfermeira a se vestir, e os três seguiram de volta pra casa. Quando chegaram, o Júnior pediu para descansar um pouco e a sua mãe acabou concordando, menos o Paulo, pois ele queria esclarecer alguns pontos com o filho. Já em seu quarto, ele ligava insistentemente para o Marcelo, que não atendia a nenhuma ligação.

************************************************

- E então querida? Como foi lá na casa dos seus pais?

- A mamãe te mandou um beijo enorme, e mandou também aquele doce de jaca que você adora.

- Hummmm... É o melhor doce do mundo! E os meus filhotes? Gostaram de ficar quatro dias fora de casa?

- Eu senti falta do meu computador pai.

- O Marcelo perturbou o meu juízo porque lá não tinha computador.

- Mais hoje, em qualquer lugar tem um.

- Mas na mamãe não tem! E ele tinha que respeitar isso. Amor eu tenho uma surpresa pra ti contar, mais só irei falar quando terminarmos o jantar.

- Ahhh... Conta logo Beatriz. Você sabe que odeio surpresas.

- Termine de comer, e na sala eu conto. Você não vai atender o seu celular?

- É do escritório... Deve ter acontecido alguma coisa.

- Mas está te ligando uma hora dessas?

- É que... Tem pessoas que acabam ficando até tarde no trabalho, e muitas vezes dormem por lá, resolvendo pendências...

O Marcelo sabia muito bem que a ligação era do Júnior, só que ele não podia correr o risco de atender ali. No fundo, ele estava dividido entre a louca paixão que sentia por aquele garoto, e o amor que ele sentia por sua esposa. Mas ele não parava de pensar no Júnior. Quando ia tomar banho, fechava os olhos, e imaginava a boca dele, quente e macia, sugando o seu pau... E depois, imaginava-se, penetrando naquela bunda branca e rosada.

Quando todos acabaram de jantar, foram para sala, e a Beatriz pegou uma caixa e deu para o marido.

- Abra amor. Veja a surpresa. – disse ela sorrindo.

Ele abriu a caixa, e dentro havia dois sapatinhos brancos. Automaticamente, ele a olhou com emoção e alegria...

- Mais... Como? – ele gaguejava.

- Como, você não quer que eu conte aqui na frente das crianças né Marcelo? No sábado, eu não parava de vomitar, e a mamãe me pediu que eu fosse ao médico, e daí ele me disse que eu estava grávida. Para ter a certeza, fiz um teste de farmácia e deu positivo.

- Que alegria meu amor. Eu estou muito feliz... Vamos aumentar a nossa família.

- Tomara que seja uma menina, porque mais um irmão ninguém merece.

- Eu que digo isso... Espero que seja um rapazinho.

- Meus filhos, o que vier, será muito bem vindo. O importante é nascer com saúde. – disse a mãe deles.

*******************************************

Passou o final de semana, e o Júnior aos poucos se recuperava da surra que tomara. Quando ele chegou à escola, todos o encarava, e ele se sentiu acuado. Dentro da sala, todos os seus colegas, perguntavam o que havia acontecido e ele já não suportava mais ter de dar explicação.

- Olá turma! – um cara entrou na sala. – Quero dar a vocês uma noticia bem triste e informar que estaremos suspendendo as aulas de hoje.

- Mas o que aconteceu diretor? – perguntou Caio, o amigo do falecido Thiago e do Samuel.

- O nosso aluno... Samuel Almeida foi encontrado morto ontem a noite em sua casa.

Todos ficaram perplexos...

- A polícia suspeita de suicídio, já que não encontrou nenhum sinal de arrombamento nas portas e nem nas janelas.

O Leandro olhou para o Júnior meio estranho, porque naquele dia, ele havia ligado para ele, para pedir o endereço da casa do Samuel. O Júnior correspondeu o olhar, mais de forma ameaçadora.

O Caio estava inconsolado, pois perdera os seus melhores amigos. Júnior chegou a ter uma caso com ele, quando ele e o Thiago, estavam juntos na transa que tiveram com o Júnior... Só que o Thiago resolveu filmar e espalhar pelo colégio. O que ocasionou a sua morte.

Na saída, o Júnior deu um jeito de despachar o Felipe, para não voltar com ele pra casa.

- Mais eu posso ir contigo cara!

- Melhor não Felipe... É muito longe, e além do mais, você disse que a sua mãe estava vomitando direto.

- Mais ela não está doente, só está grávida!

- Hã? – ele quase caiu pra trás.

Aquela revelação causou um impacto nele.

- Eu vou ganhar mais um irmãozinho cara.

- Nossa! Que legal. Parabéns. Depois eu passo lá e dou um beijo em sua mãe. Agora eu preciso ir mesmo.

- Falou então...

- Até mais Felipe.

- Ai que garoto grudento! Eu mereço ter que aturar este imbecil, com cara de retardado ambulante. – disse ele entrando em outra rua. Ele tentou ligar mais uma vez pro Marcelo.

- Alô!

- Poxa! Finalmente você atende essa porra de celular! Eu estava precisando de você e nem me deu bola né?

- Oi pra você também Júnior. Você sabia muito bem que a Beatriz ia voltar ontem de viajem, e eu não ia poder sair de casa. Mais hoje a gente se encontra pra matar a saudade.

A história do filho ainda martelava a cabeça dele.

- Parabéns pra você Marcelo. Vejo que anda fudendo muito com sua querida esposa.

- Quê isso? Pirou? Isso é jeito de falar comigo e com minha mulher?

- Eu tô pouco me importando pra ela. E nem pra você também! Eu não te ligo mais. Vai-te catar.

Ele estava com ódio por dentro. Júnior gostava de ser o destaque. O principal em tudo e com todos. Não queria que o Marcelo elogiasse a sua mulher. Nem mesmo ficar transando sempre com ela.

Ele passou por uma loja de brinquedos, e teve uma ideia louca. Comprou um boneco, igual a um bebê; ele gastou o resto de dinheiro que o seu pai lhe deu. Chegando em casa, o Júnior rasgou o corpo do boneco, arrancou os olhos e o sujou com tinta vermelha. Imprimiu numa folha, a palavra parabéns e endereçou a casa do Marcelo.

- Queria vê a cara daquela idiota quando receber este presentinho. Kkkkkkkkk...

*****************************************

- Mãe, tem uma caixa aqui na porta com o seu nome. – disse Ana.

- Hã filha? Mais quem será que deixou isso aqui?

- Será que é uma surpresa do meu pai?

- Isso é bem a cara dele. Vamos abrir filha?

- Vamos! – a menina estava toda empolgada.

Quando ela abriu a caixa, deu um grito tão alto que o Felipe saiu correndo em direção à sala.

- Quem fez esta brincadeira de mau gosto?

- A senhora está bem mãe? Senta um pouco que eu vou buscar uma água.

- Meu Deus! Quem fez isso deseja a minha morte.

- Calma mãe. A senhora quer que eu ligue para o meu pai? – perguntou Ana.

- Não filha. Ele está trabalhando... Quem fez isso não vai me intimidar. Eu nunca esperava ter de passar por tudo isso...

Quando caiu noite e o Marcelo chegou em casa, foi posto a par de tudo. Ele ficou atônito com o ocorrido e não deu outra.

- Você vai me pagar Júnior! – disse ele num canto.

CONTINUA...


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Alê12 a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/12/2013 10:51:05
Nao quero q o jn morra :(
30/05/2013 21:25:25
mt bom nota 10
06/05/2013 20:40:03
Agora fiquei com uma pulga atraz da orelha. O que os pais de jr. estavam falando antes da medica interromper? O que que o jr. não tem dos pais? fiquei sem entender. Parabens Ale! Muito suspence no ar... bjos a todos
05/05/2013 22:57:12
A chapa tá quente! nota 10000
03/05/2013 07:16:53
Eu adoro Júnior, ele só é meio louco e obsessivo. Coisa muito comum hoje em dia. Espero que ele fique bem no final. Mas isso que ele fez foi maldade mesmo.
03/05/2013 04:42:31
Ops! matou* prejudicou+
03/05/2013 04:41:22
Ai Loh como tu pode gostar de uma praga dessas?,q coisa Odeio esse Junior,q pena do Thiago e Samuel fico triste com a morte deles,ah vejamos uma lista q fiz mais ñ sei se ta serta: Junior matou e prejudicou: Thiago *,o psicologo +,Samuel*,e ums outros,e nao sei:mais ele matou algum garoto de programa?,nao me lembro bem*=matou #=prejudicou
03/05/2013 03:09:26
10
03/05/2013 03:00:36
Mtu bom
03/05/2013 00:44:20
o junior da cada dia mais louco..... deve ter um freioo nele
03/05/2013 00:00:11
Junior já deixou de ser discreto no que faz a muito tempo. Eu penso que esse"Mensageiro Misterioso"é o Marcelo! Tipo eu acho ou quem menos esperamos o Felipe, já que o Junior pensa que ele é idiota demais!
02/05/2013 22:58:44
Tá dando muita bandeira como já dito,ele tem que ser mais cauteloso se não alguém descobre e ai? FU!!Muito bom, quero ver o desfecho da história!
Loh
02/05/2013 22:10:02
Gostei desse junior, mais ele da muita bandeira, ta deixando muitas pistas... Vai acabar se ferrando logo, logo ...

Online porn video at mobile phone


baixado xvidio mulher chpado rola no banheiroconto eroticos transformando a santinha em depravadaLipeSonhador-CASA DOS CONTOS EROTICOS |zdorovsreda.runezinho novinho de pau durinho xvideoscasa dos contos eroticos meu marido trabalha eu meu filho rodulo me fodesogrageroCasada apalpando amigo por baixo da .comesa porno 10conto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretojogadoras de volei bonitas dando pornodoidoContos eroticos comendo o cuzinho do gurievangelicas na zoofilia com cachorrocontos eiroticos leilaporncontos feminizacao gay chantagemXVídeos coletânea de mulher sendo agarrada no serviçoespiabno a irma troca de roupa e tranza com ela porno.doidoConto gay estupro coletivoConto porno de incesto de pastover video de jigantão arobando o cu do novinhovervideo .e ncoxada.nuonibusporno gey peando priminho pre. adolesente e jovem tanbem xvidiosela ficou amarrada por dois dias com uma bola no cucontos eiroticos leilapornfilme amiga convida amiga para funder com seu sogroxvideo casadinha fica louquinha com eletrecista dotadoMeu primeiro boquete foi num negao conto eroticonovinha aprovoca padastro ate ela ser fodidameteno no cuzimho da novimhaxvideos entertida no computadorxvideos mae filha. genrro historias veridicasContos erótico menino menor sendo abusado por padrecontos eroticos a crentinhaXvideos. Esposinha de vestidinho piscando a xerecaconto nehrinha safada mamda empurrar tudo ate o taloxvidio disfarssando e mostrando a pererecasexoalvesxvideos coroas enpegada faxineira limpando a louça e o patrao chega em casa e acaba fazendo sexo com elachupando a buseta defenteXVIDEO PAI IFILHA TROCANOCUcontos pornos estrupada pelo pai epela madrasta juntosesposa do meu amigo me deu bola e eu comi ate seu cuzinhoviado tocando punheta para o homem fazendo fio terra e gozando tudo na mãoconto sexo lutador pirocudo comeu minha mulherxvideos comeu a mae de calcinha no jantarimagens e videos de coroas tesudas metidas no sexo kente ate esporrar fora e mostrando a cona inchada com labios longosfoto de baxinho cassetudoconto erótico minha empregadinha novinhaconto erótico dominicao vol.7Contos pornos-fudi a mendigaela aregacou meu pau e depois chupou pornodoidoConto encoxaram minha mulherconto gay ele se revoltou e tomou todasda intolerância conto erótico gaydeixo unegao desmarcado goza dentronovinha perdendo a virgindade com negão da trufa muito grandecontos eroticos climax daputinha dando pros amigosquero ver filme pornô com sapato de plástico vermelho enfiando a rola no cú deleuma jovem de dizoite anos pode perde o cabaço da buceta so colocando a cabecinho de um penis por duas tentativa contoxvidos cumendo na iscolaVideo ideas inclives que pode faser para fingi,que.ta comemdomenina xegado da banada doida de tesoa xupado a buceta da sua amiga brasileiracontos eiroticos leilapornConto erotico gay na balada gls dei para doisgraças a um cano estourado comi minha irmãContos eroticos heterosexual picantes com cenaspai pega filho comendo a mae porno cncccontos eroticos feminizaçao do garotinho maeconto padrasto da pica enormeXVídeos b******** garotinha se coçando toda com vontade tesão por mão abrindo as pernasestoria.de sexo bem apimetado travesti bemdotado fudendo etero casadodando a bunda no pau dele ele meteu a vara nela pelada com bolsinha delacoroa mais safada q conhesopai pintudo estorado o cabaço da entiada japonesa novinhaela "abriu a porta" pelado meu pau banheiro "minha tia"conto eu meu marido roludo nossos filhos na sacanagemSocorro me apaixonei pelo meu filho sexo incesto videosconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoo velho me comeu conto eroticoconto erotico estava comendo minha erma e estouro a camisinha e gosei dentro dela que ficou muita bflaguei o irmao patendo punheta e goi correndo sentar na rolla