Segunda paixão, Primeiro amor - 33

Um conto erótico de renato2
Categoria: Homossexual
Data: 12/03/2014 13:55:04
Nota 9.71

- Sobre ontem amor mim desculpa, eu não tive culpa, ela que ficou dando em cima de mim- disse sentado tentanto mim justificar.

- Julinho vai brincar com sua bicicleta la fora, depois eu te chamo maninho.- falou Janio ao seu irmão, meus pais so observavam. Julio saiu e Janio mim olhou.- Sobre ontem Renato so tenho uma coisa a te perguntar. Você tem certeza que quer seguir a sua vida ao meu lado? Porque eu não quero viver uma incerteza na vida de quer voce um dia pode mim deixar por uma mulher ou um outro gay.- Concluiu ele, mim deixando pensativo no que ele esta mim dizendo e no que a Elisangela mim disse ontem.

- Eu vou ser sincero com voce, eu te amo de verdade, mas não sei o que pode acontecer amanhã.- disse olhando pra ele.- Vamos la pro quarto e terminamos nossa conversa.- Ele subiu e eu fui atras.

No quarto ele se sentou na cama e eu ao seu lado.

- Eu tomei uma descisão e espero que voce aceite.- disse mim olhando.

- Qual?- perguntei apreensivo.

- Amanha vou pra Vitoria da Conquista, somente eu e Julio, e vou te dar um tempo pra você sair com seus amigos, curtir e ficar com quem quiser, pensar no que você quer pra sua vida, pois voce não é mais um adolecente de 18 anos. Faltam menos de um més pro ano novo e ate la vou te eperar. So te peço que pense bem e que por tudo que é mais sagrado não se envolva com drogas.- terminou de falar mim olhando, fiquei com raiva, mas não demosntrei.

- Tudo bem, se é assim que você quer.- falei alto e mim levantei da cama e ia saindo do quarto quando ouvir ele dizer:

- Eu te amo Moreno.- se levantou e mim deu um beijo, foi um beijo apaixonado e triste deixando transmitir toda sua insegurança e medo pra mim. Apos o beijo vestir outra roupa, peguei minha carteira, as chaves do carro e sai do quarto. Passei pela sala com abalado, mas não chorei, meus pais estava brincando com o Julio no jardim, fui ate eles e o peguei no colo dando um abraço e um beijo em sua testa, e ai sim as lagrimas começaram a cai.

- Adeus muleque, te amo viu.

- Tambem te amo cunhado.- o coloquei no chão e fui pegar meu carro.

Liguei pro Otavio e o chamei pra saimos pra curtir, ele de imediato aceitou e falou que ia ligar pra galera, falei que ia esperar eles no barzinho onde briguei com o Murilo. Olhei no relogio e marcava 11:00 horas da manha.

Cheguei no bar liguei o som meu carro e comercei a beber, por voltas das 12:30 hs o pessoal comerçou a chegar, perguntaram cade o Janio, eu respondia que tinhamos terminado e ele iria embora. Ficamos bebendo ate a noite chegar, o pessoal foi se despedindo pouco a pouco, ate que fiquei sozinho um pouco tonto pela cervejas, não queria ir pra casa, liguem pra Elis chamando ela pra dormir comigo, de imeditato aceitou. Cheguei em frente a predio dela e liguei avisando que ja estava esperando.

- Mas ta gostosa hoje.- disse quando ela entrou no carro com um vertido preto de manga cumprimda, bem curto e super apertado mostrando as pernas grossas e o peitoes.

- So hoje Gavião?- perguntou debochada e mim deu um beijo na boca.

- Sempre gostosa, e ai quer ir pra onde?- perguntei entre beijos.

- Quero jantar em um restaurante chique e depois vamos pra um motel.- Fomos um restaurante no centro, depois fomos uma suite de luxo em um motel, onde chupei ela todinha, e ela fez o mesmo em mie meti a rola nela ate ela não aguenta mais (usamos camisinha). Tomamos banho e fomos deitar, não vou menti, desde peguei ela em casa nem pensei no Janio, mas ali deitado ao lado da Elis mim bateu uma falta dele, mas não deixei mim abalar e fui dormir.

Acordei na segunda-feira, deixei Elisangela em frente seu predio prometendo ligar de novo pra saimos e fui pra casa. Quando estacionei o carro na garagem meu pai chega com seu carro.

- Bom dia pai, tava onde?- perguntei ja entrando em casa com ele.

- Bom dia filho, fui levar o Janio e o Julinho no aeroporto.- fiquei muito triste em saber que não o veria mais.

- Como ele estava?

- Muito triste, mim pediu pra verder a casa dele, sera que você poderia fazer isso pra mim, to muito oculpado ultimamente.

- Posso sim.- disse e ele tirou uma chave do bolso e mim entregou.

- É a chave da casa. Ele falou que qualquer preço ta bom, ele ta precisando urgente de dinheiro.- concluiu e entramos em casa. Chegamos na sala de jantar e encontramos minha mãe abatida com olhos vermelhos.

- Bom dia mãe, a senhora tava chorando?- perguntei mim sentando.

- Nada não meu bem.- disse ela deixando as lagrimas cairem.

- Sua mãe chorou a noite toda por causa dos meninos, ja tinhamos acostumado com eles aqui.- disse meu pai.

- Vou sentir tanta saudade deles.- falou novamente minha mãe secando as lagrimas. Fiquei triste por isso. Depois do cafe subi para meu quarto, entrei direto pro banheiro, tomei um banho e sair, em cima da cama tinha um bilhete com um enderço, telefone fixo e uma frase:

" Se você resolver mim procurar, vou estar nesse endereço acima, TE AMO MORENO."

Não sei o que deu em mim pra não chorar, mas fiquei triste. Mim arrumei e fui trabalhar. A noite fui a academia malhei bastante e trenei jiu-jtsu, depois sair com a galera pra um barzinho.

Na terça-feira fui buscar minha irmã e seu namorado no aeroporto, ela tava mais linda do antes, morena clara, alta, um corpo de violão, com cabelos longos, lisos e pretos com os olhos. Seu namorado tambem era boa pinta, alto Moreno claro com cabelos e barbas castanhos claro e forte.

- Bom dia-disse assim cheguando perto.

- Bom dia, Junior esse é meu irmão.- disse ela.

Continua


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Jan2 a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/03/2014 18:28:01
afff nao q filho da puta esse renato e fala serio dizia q amava tanto ele pra agora nem sentir remoço e nem deixar cair um pingo de lagrima isso e muito revoltante afff q odio
12/03/2014 18:22:51
Sabe eu se fosse o Janeio ja teria a muito tempo pegado as minhas coisas e ido embora e deixado o namorado. Pô o que ele fez foi sacanagem. Depois fica chorando e não sabe o por que.
12/03/2014 16:15:22
Ae esse cap foi triste. Nao to entendendo vc renato. Vc poderia se colocar no lugar do janio .
12/03/2014 15:18:58
Poxa esse capituloo foi triste, tomara que o renato pense bem o que ele quer mesmoo
12/03/2014 14:54:30
Eu gosto muito do seu conto mas acho que comentei so uma vez mas estou aqui para vc escrever mas hoje pq os capitulo de hoje foram maravilhosos escreve mas hoje.
12/03/2014 14:51:12
VIAGEM ERÓTICA A BONITO/MS - parte 2 como contei na parte um, minha esposa morena gostozissima, deu para um rapaz que ela encontrou na piscina do hotel, hoje quero contar como continuou a historia, que é real e veridica. no outro dia, no domingo, o interfone do nosso quarto tocou e a portaria informou que alguem do quarto 105 queria falar conosco, olhamos um pro outro e rimos felizes. ela atendeu e conversou bastante com um rapaz e depois com outro. me falou: _ Amor vou descer ate a recpção e falar com eles, fica ai ta qualquer novidade te falo, vestindo um minsuculo sorte e um topinho, me beijou na boca demoradametne e disse na saida. _ fica ai descançando corno que eu vou providenciar mais chifres para vc, rsrsrsrs eu fiquei de pau duro, imaginando o que ela era capaz, nao aguentei e fui atras espiar. cheguei escondido na saguao do hotel e vi ela sentada no meio de dois rapazes bonitoes, ficaram num tremendo bate papo e até que os tres se levantaram e pegaram o elevador. logo imaginei que fossem para o meu apt. corri e me fiz se desentendido, mas nao, demorou mais de uma hora e nada, entao o interfone tocou e ela gemendo disse: _ amor, vem me ajudar, nao to aguentam esses dois machos gostosos, vem, apt 105, vem logo corno vem... Corri, peguei camisinha e creme anal. cheguei e fui entrando, peguei ela de 4 dando para um e mamando a pika do outro. os caras se apresentando mas sem para o que faziam, ela entao disse: Ai amor, vem me ajudar, ... Eu tirei a roupa e fui ate ela, a beijei com gosto de pika na boca, e ela enfiou a pika do carana minha boca, mamei e mamei muito a pika grande e cumprida do carlos e depois fui ate a buceta dela e lambi as bolas do eduardo, ele entao tirou o pau da buceta dela e me ofereceu dizendo: _ chupa corno, chupa a pika do macho que ta comendo sua mulher, vai corno !!! eu obediente e manso, obedeci prontamente, era grosso, bem grosso e grndao, quente e duro como ferro. entao ele disse: _ prepara a minha pika que vou comer o rabo da sua mulher! eu olhei para ela e disse que era muto grnade e grosso, sera que ela iria aguentar, eu fiquei preocupado com ela, ela riu e disse, claro que eu aguento bobo, antes de te conhecer eu ja dei para u igual a esse, corno. fiquei aliviado, e disse para ela dar para o carlos primeiro que era mais fino e menor, ela obedeceu. Mandei ela virar e apoiar as maos na cama, e levantar a bunda, lubrifiquei bem o cuzinho da minha amada, puz a camisinha no caceta do carlos e passei creme tambem, guei o pau dele ate a porta do cuzinho dela, e mandei por devagarinho. fiquei bem pertinho vendo o pau entrar cm por cm no cu da minha mulher amada, ela muito safada, deu ré e abriu o cuzinho para ele, e fez com que entrasse logo, ela estava sedenta de pika, rebolou e rebolou na pika do carlos. o eduardo veio e ofereceu seu pau para mim de novo dizendo: O proximo a comer esse cu sou eu hem ! mamei e chupei gostoso ouvindo os gemidos dela, e certa hora, o carlos falou que ia gozar, entao ouvi minha mulher dizendo: _ goza na testa dele, goza na testa do corno. Carlos tirou a pika do cu dela e apontou pra minha cara, e jorrou um montao de porra na minha testa e derramou na minha cara, minha mulher veio se confraternizar e zoar comigo. Isso corno, toma porra na careca safada, toma ! !! me lambouzou a cara e me beijou apaixonadamente descansou um pouquinho e chamou o eduardo para fuder ela. ficou de frando assado e ofereceu o cu para ele. Ele entao ja com camisinha, lubrificou o cu dela e meteu, foi metendo devagarinho toda aquela tora no cu da minha amada que ja estava meio arrombado, agora tava todo arrombadao. do jeito que o corno gosta. ela olhava para mim e mordia os labios, gemia baixinho, quase que chorava mas aguentava forme, cada cm dequela tora no cu. o cara meteu tudo, entao ela mandou ele se levantar um pouco e fez o que ela mais gosta de fazer, é a sua marca, QUADRADRINHO DE 8 no pau dele, rebolou, dancou e gozou no pau dele, gemeu, gozou e me olhando nos olhos, me chamava de corno gostoso, de corno bonzinho, e elogiava, a pika do cara dizendo: uallllllllllllllll que pika !!! ualllllllllllllllllll que pau !!! uallllllllllllllllllllllllllllll que caralão gostoso amor !!! gozou varias vezes pelo cu na pika do eduardo. depois de uma hora levando pau no cu, perguntou rpa mim s eeu queria coemr ela com o cu arrombado e eu disse que sim, entao ela falou pro eduardo: _ goza que o corno tambem quer comer! eduardo entao aumentou o vai e vem e meteu forte e na hora de gozar, tirou a camizinha e jorrou na cara dela, e eu pulei em cima, na mesma posição e meti comendo mo resto que sobrou do cu dela, A R R R O M B A D O !!! BEIJEI ELA COM PORRA A BOCA, NA CARA E GOZEI DENTRO DO CU DELA, DA MINHA MULHER AMADA E FELIZ. interssados em nos comer, escreva para 06 de abril para BONITO/MS novamente fernando e leticia de sao paulo capital
12/03/2014 14:48:42
Sabe eu se fosse o Janeio ja teria a muito tempo pegado as minhas coisas e ido embora e deixado o namorado. Pô o que ele fez foi sacanagem. Depois fica chorando e não sabe o por que.

Online porn video at mobile phone


priminhos na ferias do colejo fazem muita putariapeguei a minha sogra com u shortinho enterrado na bunda i comi u seu cu video pornocarolzinha santos trepano no churrascoginicologista arebentano cabaso da novinhacadê aquelas gostosas de fio dental roxinhoconto erotico velha casada banca negao pirocudomãe gordinha dê mini saia arregalou a buceta para o filhovídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém percebercorno comido contospornô doido de cetona de mini saia sem calcinha sentando na rolacontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombarammeu marido broxa contoshorts jean adoro usar fio dental afeminado contosvídeos pornô da Umbanda neguinha coitadamicroempresa vídeo de pornô das coroas empregadasmãe e filha assistindo televisão e a filha com cobertor coberto por ela e ela fudendo e metendo o dedo no priquito debaixo do cobertor sem a mãe verRelatos Zoofilia qual melos cadela para sexoXVídeos mulher lavando roupa no tanque com pegada e******cunhado comendo cunhada de mini saia fato realxvideo da sogra seduzindo o jenrro na noite de natalContos mendiga pornosexo mulher e homem laranhando(sexo)fudeno minha quanhada gostoza de beibidor nu sofarcasa dos contos eroticos a maninha cabaço ai maninho tira ai aigozei na boca no caminhaolevo a esposa em uma festa de amigos e mandaram o rola nela na.maior surubaporno vedio chupando buceta forçado padrasto sexo forçado direto safado estupro gozando gostosoxvideofudendo a cunhada enguato a namorada dormiGostosas de. Shortinho super detalhando a s partes intimas fotosxvideos fudenu ir critanto fode meu porra com amigo to meu maridoxvideo cazal comeu minha mulherdetosexofiz minha esposa chupar seu pai enquanto fodiamosContos eróticos- bem novinha é desvirginada e grita de dornoiada chupa e bate polheta ate goza xvideosXvideo novinha no seu primeiro anal fofitofodendo com maxima velocidade e sem piedade pornomorena de shortinho esfregando a Rosa do povo'contos eróticos​, praia de nudismoporno as novinhas cem peito de 8 a 10 perdedo a virgindade pro paidei pro técnico pornosogra fode c genro n dia d natalContos erotico cdzinha cinemacontos eiroticos leilapornbaixar to fincado atoladinhaporno doido pai estrupando filha virgem ate ela chora de dor e inchacar a buceta e machucar o cucontos de incesto mãe pede a filho que depois a Cona e o grelocontos lactofilianovinha dormindo de Baby Doll padrasto canabusetinha piquinhaVou contar o primeiro chifre com caseiro do sitiovideo porno esposinha no cuingueXvideo anal mao levamtado a barogapapy cheio de maldade comprou algumas calcinhas e me chamou no quarto para vestir para ele ver amadorvideo porno irmã bricano com seu imão e apiroca escurrega etrafilme porno "ligados pelo desejo"contos romatincos gay pit boyo meu padrato meteume o caralho na maomassage nela e na buceta da nifestihacontos eroticos de incesto eu minha irmaFui inciada pelo amigo do meu pai contos eroticosfundeno nadadoraxvideo damçano de saimha sem calsinhamenagem di cornoconto erótico Fui obrigado a violentar minha filhaxvideos pegou amigp do filholinda socialaite carente trepando com seu genro pauzudoskype:bruninha_zinha_zfilme pornô rasgando a vacina novinhatarada nuonibumiha boceta ta pimicando queru rolaxvidio.c miha mae n siriricanovinha ralando de chirte curtinhogarota misterio cdzinhahttp://comendo a conhada virgemNinfetas mamando rola no cinema contoseroticosmulher com aberada da buceta toda esticada pra filha vercontos lesbicos e penitencia no conventohomem sarrano na mulher sem calsinha no onibuscontos eróticos meninas de 22 anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhos