Virei escrava 1

Um conto erótico de Susana
Categoria: Sadomasoquismo
Data: 25/01/2015 19:14:54
Nota 8.86

Continuando a minha história de como me transformei numa escrava sexual.

Acordei meio zonza. Estava tão azuada que demorou um certo tempo para que meus pensamentos se ordenassem e lembrasse de tudo que tinha acontecido e onde eu estava. Não estava amarrada mas completamente nua. Eu estava faminta e com frio. O lugar tinha uma espécie de ar condicionado central. Próximo tinha uma mesa com algumas frutas. Comi algumas. Foi aí que fui observar melhor o quarto onde estava. Não tinha banheiro separado, mas pia, vaso sanitário, uma banheira e um chuveiro. Percebi umas 4 câmeras de vídeo. Aproveitei para lavar meu rosto e sentei na cama chorando. Depois de uns 30 minutos ouvi a porta abrindo e desceu o rapaz que me deu a injeção.

- O Paulo já vai descer. Mandou você tomar banho. Não quer você suja.

- Não vou tomar banho nenhum. Quero minhas roupas, quero ir embora.

Ele se aproximou e me deu tu tapa que eu pendi na cama.

- Ninguém te perguntou nada sua puta!!!!!!!!

Me arrastou até o chuveiro e abriu a água. Me empurrou com o pé pra me manter debaixo d’água. Eu me debatia, mas ele me deu uns tapas e acabei tendo que me lavar. Estava com medo. Saí molhada e nem me deu uma toalha só um pente, escova de dente e pasta, esc. Depois de me pentear e fazer a higiene bucal, ele mandou sentar na cama e veio com outra injeção. Como quis fugir ele novamente me deu um tapa e me imobilizou com o corpo. Não tive como evitar. Fiquei novamente lesada, mas não dormi. Depois de uns 5 minutos Paulo desce as escadas e agradece ao rapaz de nome Guilherme.

- Muito bem Guilherme. Essa putinha não vai dar mais trabalho não. Depois que ela for adestrada, vai me servir bem e até vocês quando trabalharem direitinho.

- Boa chefe!! Ela é gostosa. O Sr já teve umas minas bem mais gostosas e mais putas, mas se o sr tarou nessa, né?!?!?! Que faz com ela agora?

- Vamos dar uma limpada nessa vagabunda. Você sabe que puta tem de estar limpinha. Chamou o Dr?

- Chamei sim Chefe. Ele deve tá chegando.

Me levaram novamente pro chuveiro. Abriram minhas pernas e senti Paulo fazendo espuma nos meus pentelhos. Estava muito lerda. Até tentava afastar as mãos dele, mas nem conseguia empurrar.

- Para de atrapalhar. Ache bom que te dopei pra fazer tudo isso mais tranquilo. Se não ia ter de apanhar muito. Vou tirar esses pentelhos depois vou limpar bem esse seu rabinho.

Fiquei desesperada, tentava sair mas não conseguia. Não tinha forças

- Olha Guilherme. Ela é gostosa sim. Essa puta nunca me deu atenção. Depois de defender ela ainda me demitiu. Passei 3 anos fazendo tudo isso pra ela. Depois, vc vai ver, ela vai comer na minha mão.

- É chefe, não é a primeira puta que o sr faz de escrava, né?!

- Mas, essa vai ser especial Guilherme!! A se vai.......hehehehe

Ele me depilou com uma gilete e me colocou de 4 com o Gulerme me segurando na frente. Senti que Paulo enfiava algo fino no meu ânus e não conseguia reagir. Senti um líquido entrando em minha barriga. Umas cólicas e depois botei tudo pra fora. Paulo me lavou toda com um chuveirinho e enfiava no meu ânus pra limpar por dentro. Depois me arrastaram para a cama. Fui amarrada com as pernas dobradas pra cima e fiquei toda exposta. Paulo sentou ao meu lado e ficava alisando minha vagina. Eu estava sem reação e conseguia agora falar algumas coisas. Pedia para ele me solta, que eu não iria a polícia, etc. Ele nem me escutava. Só ficava olhando para minha vagina e alisando ela. Eu sentia seus dedos brincando no meu grelinho e comecei a sentir um pouco de prazer. Não queria demosntarHummm Olha para isso Guilherme. Né que a minha nova putinha não é seca....rsss. Tá até gostando do carinho. Deu uma beliscadinha no meu dedo agora a pouco....hehehe.

- Nem se acostume com esse carinho não putinha.....disse e me deu um tapa na buceta.

Ninha buceta deu uma ardida e ficou meio vermelha. Levei mais dois tapões. Depois meteu doid dedos de vez na minha buceta e sentiu que ela estava um pouco molhadinha. Eu não estava me segurando. Não conseguia entender. Meu corpo estava reagindo diferente.....só podia ser a droga que me deram....

- Vai gostar de levar tapa. Já começou a ficar molhada essa vagabunda.

Nessa hora chegou um outro homem. Esse era mais velho e estava de terno e gravata.

- Boa tarde Dr. Conheça minha nova puta. Já preparei ela pro Dr examinar. Quero ver ela abertinha. O Dr sabe que eu gosto.

- Oi Paulo. Pelo dinheiro que vc me paga eu examino até minha mulher pra vc ver.....kkkkkk. E depois vc sempre me arranja umas putinhas pumas festas...rs.

- Pois é Dr. A última que o sr fez a vadia cegou estrupiada!!!! Kkkk Quantos foram?

- Nem contei, mas acho que tinha uns 8 caras. Cê sabe como são esses meus colegas, querem exercer a medicina. Injeta aqui, injeta ali....rss E oi o fim de semana todo né?!?!? As patroas pensando que estávamos no Congresso e as putas lá servindo no sítio. Tinha mais duas, mas a que vc mandou era a melhor. Acabou sendo a mais usada......rsss

- E essa aqui? Quando libera pra o Dr aqui?

- Essa vai ser especial Dr. Essa é especial – falou isso e me deu um beijo que só faltou me engulir. – Mas, vamos lá. Abre aí essa buceta!!

Fiquei super nervosa. Lógico que já fiz exames ginecológicos antes e fiquei humilhada da forma que estava, o fato de ter 3 homens junto.....chorava e tentava me mexer. A essa altura a droga que me deixava lerda já estava perdendo o efeito. Levei uns tapas na cara para ficar quieta. O médico passou um gel na minha vagina e começou a introduzir o aparelho que depois começou a abrir minha vagina. Ele abriu até onde não pode. Escendeu um lanterna pra iluminar dentro e começaram a “examinar” minha buceta.

Paulo – tá vendo Dr que eu ecolho boas putas. Olha que buceta limpinha, rosa, molhadinha!!!! E quente!!! – Falou depois de meter uns dedos dentro

Eu – por favor, parem. Seu idiotas.

Levei outro tapa de Guilherme que ajudava tb a me segurar. Uma hora ele bateu no meu seio e apertou o mamilo. Eu gritava, mas nada abalava o Dr e Paulo no exame. Depois deles mexerem bem na minha vagina, que por sinal já estava molhada mesmo, eles tiraram o alargador e começaram a querer meter no meu rabinho. Eu gritava que não, que eu era virgem ali, que ninguém podia fazer isso e etcc. Aí o Dr disse:

- Olha só Paulo, se eu abrir esse rabo como fazemos sempre e ela for virgem mesmo, vc vai afroxar esse cu. Eu vou só examinar pra ver se é virgem mesmo. \Se as pregas tão boas mesmo. Depois que vc comer bem o rabinho dela a gente abre pra brincar um pouco. Que vc acha?

Paulo – AH!!! Eu gosto de ver o cu arregaçado. Mas, vc tem razão. È melhor arregaçar com meu pau primeiro. Depois a gente abre. Pode ser até no seu “ Congresso”. Levo eu mesmo ela um dia pra vc e os outros doutores brincarem. Gosto das festas dos médicos. Sempre tem umas novidades.....rss

Eu não sabia se chorava da humilhação ou de alívio.

Paulo fala pra mim: Nem se iluda Susana, vc vai pedir pra eu te abrir toda até arregaçar.

Eles se despediram e o médico foi embora junto com Guilherme. Paulo me forçou a tomar dois compridos: um anticoncepcional e outro não disse o que era}. Eu fiquei um pouco grogue, mas menos que antes. Paulo sentou ao meu lado e ficou alisando minha vagina e meu ânus. Eu não conseguia me concentrar e sentia prazer, mais ainda quando de repente ele me dava uns tapas na buceta.

- Você sabe que vai ser minha puta. Já está gostando de ser alisada e principalmente na hora dos tapas. Vai gostar ainda mais sua vadia. (outro tapa). Viu como gosta? Mal dei o tapa a buceta contraiu. (enfiou dois dedos nela). Olha, tá latejando essa vagabunda.....rs

Eu não conseguia me segurar. Estava mesmo sentindo prazer e não queria!!!

- Por favor Paulo, me deixe ir embora. As pessoas vão desconfiar. Vão me procurar.

- Não vão não. Já disse. Mandei do seu email um pedido de demissão pois ia pra Bahia. Já mandei tb pro casal que vc morou.

– isso é mentira. Vc não teria como.

- Quando vc estava grogue por causa da droga eu perguntei seu email e senha. Eu mesmo mandei os email. Depois de uns dias vc vai ligar pra mandar outras notícias e depois desaparecer total pra todos. Vc estava mais delícia ainda ontem. Disse que ia me dar todos os buracos que tinha. Só foi eu tocar na sua buceta que pediu meu pau. Queria mamar meu leite.

- Seu idiota. Isso é mentira!!! Eu nunca faria isso.

- Não???? Kkkk. Vou te mostrar sua vagabunda.

Ele levantou e ligou uma tv. Comecei a ver o vídeo de ontem. Eu estava já sem roupa e Paulo me alisando apertando meus seios e eu me contorcendo de prazer....gritando que queria ser comida. Que eu queria dar tudo meu. Que precisava do pau dele. Ele só riaViu sua puta. Sempre soube que vc é uma puta das mais safadas. Só que era enrrustida. Mas agora vou te fazer a maior cachorra de todos os tempos. Vai tomando seu remedinho pra te deixar ainda mais gostosa. Esse comprimido vai soltar sua cabeça. Vai ficar tão doida que vai querer trepar com a torcida do Corinthians toda!!! Kkkkkkk. Mas, antes que vai te comer toda sou eu. Vc vai virar minha cachorrinha, vai servir a mim como uma escrava sexual, depois vai servir a quem eu quiser. Vou fazer de vc me capacho.......rsssss

Eu ouvia isso vendo o vídeo comigo implorando pra ser comida. Eu não lembrava antes, mas agora as lembranças vinham a mente. Tudo que Paulo dizia agora me fazia ficar ainda mais excitada. Minha buceta latejava e Paulo sentia pois estava bem agachado na frente dela. Chegou mais perto e meteu a boca nela. Chupou todo o meu líquido e metia língua. Eu comecei a me contorcer e pedir pra ele parar......depois de um tempo já pedia pra ele meter em mim pois estava ficando louca. Meu sangue fervia. Não conseguia parar. Estava me estranhando e sabia que deviaa ser o remédio, mas não conseguia pararGozei na boca de Paulo urrando de prazerPaulo levantou, veio até a mim e me beijou com fúria e a boca ainda toda melada de meu gozo.

- Viu como você é putinha!!!! Rss

Me desamarrou e disse pra eu dormir.

- Tenho uns negócios pra tratar e quero meter em vc logo depois. Vou tomar uma boca. Depois quero comer essa buceta e esse rabo todo.

Levantou, me deixou encolhida na cama e foi embora trancando a porta.

Continua.......


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive sua escrava a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/09/2019 20:59:12
Amei
12/08/2019 09:17:40
Muito bom
02/02/2015 20:52:36
Ual Qe dlc
02/02/2015 19:23:06
Meu deus, simplesmente perfeito!! Escravinha sexual de traficante? Eu daria de tudo pra estar no lugar dela!! Imploraria pro meu macho e dono me marcar com piercings, branding e tattoos de puta me marcando permanentemente como sua escrava!!
27/01/2015 20:06:36
Bom ;)

Online porn video at mobile phone


tezaozinhameus patroas adoram chupar a minha bucetaporno super dotado so magrinha sofrimento no pau grande com a buceta ceia de galaporbo doido escrava cega afoga na bundaconto arrebentei cu garanhaoconto erotico deixei cheirar minha calcinhapassando a mao no peitoral beijando o ouvido beijando o pescoco pornCona e cu relatoscontos de sexo selvagemcom velhosxvideos contosicestofoi pular carnaval com amigo levou esposa virou cornovídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoXevedeos corno leva mulher para festa e eu como ela escondida vedeos casero conto eroticos esposa era certinhaconto arebentei cu meu vizinhocontos eroticos gay dormindo com o tiotirei virgindade da nossa empregada contocontos eroticos.dei uma mini saia pra minha esposa crente e virei corno dos amigosirmão com insônia come irma pornoTema VampiroCasa Dos Contos Eroticos zdorovsreda.rupais prende filha no quarto com irmão ele mete e gosa dentro da bucetacontos gay um anjo em minha vida parte 14so flhona no cioXvideos barulhos q a chochota fas na hora do sexoFOTOS CONTOS DE SEXO DE UM JARDINEIRO PIROCUDO COM SENHORAS CASADASler contos eroticos menagecontos de sexo depilando a sograconto erotico dei para um estranho na casa de swingcontos eiroticos leilapornbdsm humilhaçao extrema contocontoerotico eu namorada mae e tiominininh.deugrito,napicaxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostavaqueiro me comeu em cima do cavalo pornfilme porno home reprodutoconto esposa com sobrinhopoi no meu cu tiocomi meu melhor amigofeminizacao hormonios dedos no cu porra conto eroticohidromel a bundinha da mãe dormindoContos eróticos de incesto mamei no pintao do do meu filhao na cozinhaconheci a menina arranca a roupa dela fica pelada fazendo sexocontos eroticos virei corno contra minha vontadeomen a molese a mulher tirando o pau br afora ela nao aguenta pornoqero v mule xupano apica grade e grossa dura cabesa grade picaoXVídeos chifrudo um negao na minho portacontos eroticos de mulheres bofinhosxvideo porno filme erotico de traisao esposa infiel traino com melho amigogay casa dos contose apaixonei pelo idiota da faculdadeordenhando roludo na frente do corno de ipanemaconto erotico gay vovo deu leite pro netinhocontos picantes de amor gaysmulher cagando enquanto dava a bucetaporno mae ffode com filho no banheromadrasta pasando o vibrador no biquinho dos seios de sua entiada por sima da blasinha a te ela gosaarxvideo levei meu primo no beco e nós transamosnovinha você não afrouxe do cabelo que se não for a música completominha cunhadame viu pateno uma e atacou pornomulherres nua guiquando na pika do paicontos anal com jegue humanocabeção cantando xeretandoquero ver meninas gostosas de perna aberta provocante mostrando abelhinhas x video.comcuzao busetao gg gosadas grelao gg negras ptmistisinha teen levando no cu e cagando a tatuagem na bucitaconto gay nerde Papai goza na minha boquinhamao boba na noiva pegando nos peito dela porno dentro do cinemaassistir vídeo A Escrava tem a bunda toda cortada com chicotepalavroespornobrasileirasContos eroticos em presidiosmulheres prendeno o bico do seio com prendedor xvideovirgem celada goza no dedo xvidiotira do meu cu garanhao asssim doe tira vai. eu emploro pornorconto eroticos de sentadaVizinha novinha mim atendeu de tolha nao teve jeito acabei comendoeu quero ver vídeo pornô a novinha indo para academia dando a buceta o cara da rola bem grandona engrossando e gozando bem muito e melando a rola do cara todinha na hora da gozada e puxando os peitos