Minha cunhada gostosa – parte II

Um conto erótico de Edu Fera
Categoria: Heterossexual
Data: 16/09/2017 12:14:16
Nota 10.00

Minha cunhada gostosa – parte II

Continuando a história sobre Vanessa, minha cunhada, depois do dia em que ela mamou gostoso meu pau, ela passou a me provocar ainda mais e na véspera do meu casamento...

Na época do namoro e do noivado é comum o genro frequentar a casa dos sogros. Assim, toda visita era para mim um pouco complicada, pois a Vanessa era o tipo de mulher que adorava mexer com os homens.

Certo dia, na festa de aniversário do meu sogro, Tati bebeu pra valer e acabou indo para o quarto dormir, a exemplo de seu pai. Era tarde da noite e eu decidi ir embora, mas antes fui ao banheiro que ficava na edícula nos fundos da casa.

Vanessa entrou atrás de mim. Eu me assustei, mandei ela sair... Resumindo, minha cunhada estava com uma sainha curta e uma calcinha, ambas pretas. Eu estava tão nervoso que falei pra ela sair dali, pois eu ia mijar e me virei de costas para ela, mas a safada se aproximou e pegou no meu pau com sua mão quente.

Nesse momento estremeci e Vanessa me virou de frente para ela, agachou-se e começou a chupar meu pau. Percebi que ela estava levemente bêbada, mas com o tesão que fiquei acabei curtindo aquela boca gulosa.

Assim como no estacionamento, ali no banheiro, adrenalina, a emoção, tudo aquilo me deixava ainda mais excitado. Então falei para Vanessa se levantar e a coloquei em uma posição melhor, pois eu ia comer sua boceta:

- Vai puta levanta, vem cá, quero comer tua boceta.

- Não dá Edu, tô menstruada.

- Então foda-se, vai levar no cu mesmo...

- Não, tá louco, para, olha o tamanho disso!

- Cala a boca e vira logo piranha!

Empurrei Vanessa contra a parede, levantei sua saia e puxei sua calcinha. Enquanto eu beijava seu pescoço esfregava meu pau na sua bunda.

- Tá bom, tá bom... eu dou o cu pra vc, mas passa isso antes (ela pegou o condicionador e me mostrou).

- Condicionador?

- A seco que não vai ser...

Passei o condicionador no cu de Vanessa e aproveitei para penetrar um dedo, ela gemeu: - Ai... hum... gostoso!

- Delícia de cu putinha... vou foder vc...

Empurrei meu pau para dentro do cu de Vanessa, ela colocou uma mão na minha perna, empurrou...

- Ai Edu, devagar... vc é grande... para, dói... hum... ai... ai.

Não dei atenção.

- Cala a boca sua puta... vai acordar todo mundo.

- Vc não quer rola sua piranha.

- Puta tem que tomar no cu mesmo.

Empurrei com força até o fundo do cu apertado de Vanessa. Apertava muito meu pau. Deixei ela se acostumar e comecei a meter com mais força e rápido.

Vanessa gemia baixinho. Alguém mexeu no trinco da porta. Vanessa respondeu: Tem gente! Mexeram de novo: - É vc filha?

- É sim mãe.

- Vc está bem?

- Estou sim mãe.

- Já vou sair.

- Interpretou bem putinha. Assim que eu gosto.

Continuei a meter forte em Vanessa, o tesão e adrenalina, um tesão enorme. Um pouco de sangue da menstruação escorreu pelas pernas de Vanessa. Mesmo assim eu meti forte.

- Toma sua puta... engole minha rola... piranha... que cu gostoso... vou te foder sua vagabunda...

- Isso! Vai... fode... ai... hum... fode meu cu... to adorando... vai Edu.

Anunciei o gozo. Enchi o cu da minha cunhada de porra quente, escorreu pelas suas pernas, misturou-se ao sangue que escorreu. Ela encostou na parede e desceu até o chão.

- Sai seu cachorro... vai embora...

- Que foi? A puta não gostou?

- Sai logo!

Sai e fui para minha casa. Despedi da sogra a única acordada e foi difícil explicar porque eu tinha me ausentado.

Mas não parou por aí, ainda teve a véspera do casamento, mas para não alongar eu conto essa depois.


Este conto recebeu 0 estrelas
Estamos testando um novo formato de votação. O ranqueamento será feito não mais pela média, mas apenas pela soma das notas oferecidas. As notas também serão apenas de uma, duas ou três estrelas. Isso deve evitar que haja quedas repentinas do ranking por conta de ataques por alguém que queira manipular os resultados. Se tiverem dúvidas, .

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/09/2017 09:28:02
Hummm, me encheu de vontade... Que cunhadinha descarada, viu? Só cuidado para a esposa não descobrir. Casa com uma e leva duas. Rssss. Gostei dos contos, me deixou excitada! Venha me conhecer lendo o meu. Um beijo!

Online porn video at mobile phone


xiv padrasto peganfo aentiada sexso analcontos eróticos de lésbicas de coleira e plug analgravidas com picudos/contos atuaisblogger comedorcasada gozando veja fotouma piroca cabecuda e cheia de veia me arrancou sangue do meu cu contos eroticogaleguinha filha de papai metendo com a pica no tabaco bonitinha gostosinhacacetudomonstroeu fui encoxada pelo meu sobrinho tarqdosexo forsado com shortinho jeansvidio eline falando seu nome eem qunto fode vidio pornoas penujinhas do pornoComtos Eroticos filho de menor fodendo mae gostosonacontos eróticos xingando quando era enrabadameu amante come minha filhavideos Pornodoido.com mulher quase morre transanso cm dois pauzudocontos eroticos minha filhinha meu amor minha vida cnnXvidio.com/iniciador a filha xnxx disgracada gozandodescobrindo o amor 74 dr romântico fodido pelo mendigo roludo contos gaycachorro do nozão trelado no cu da gostosapegando viziinha safada de xortinho na coninha aredeibotando o pau todu no cu da vovozonaconto sexo chantagiei a bundudaxvideos gay cu rasgadaicontos eroticos nunca pencei disperta tesao en outro homem com minha bundacontos eroticos peguei a maninha novinha loirinha dormindo de bruço fiz anal com alacontos erotico saido escola onibusboquetes e bucetasconto.erotico com fotosjminha cumdre esfregando a bucetinha no meu pau no banheirovideo de sexo magrinha tentou fugir mas fico imobilizado com o pau gigAnte no cutransando por fresta da barracapornodoido fodindo uma policia femininacontos eiroticos leilaporncontos eroticos sendo arrombada por dois machos que chupam gostoso minhas tetasRedacao sobre velha infanciacapitulo 2porno negao fas muleca grintaxvidio mulhe magra sentano o cu no paozaodei minha bubuta contosyoutube tarado sobrinhas sexaul tirado a roupa nuasninfeta safada gostando de ser espiada no banho e provocaconto de mulheres gozandolesbicaXVídeos real Carangola 1280conto de casada putavideos de sexo enchendo de porra esperma semem dentro da buceta jovem gozando dentroliberalina vadia traído foi filmadacontos eroticos bem safados com peitudas dando leiteestupro esposa contos eroticosazulão transando as baixinhasContos eroticos podolatria com fotos chupando pes de primas dormindovídeos insistoporno Brasilcontos encoxadasSexoloucoanimalAs novinha que adora chupar i tamar a porramulher secura na pica do negao quando encosta no cuFotos de gostozinha braquinha nua caio no zapgarota fico engatata com cao pausdo no cumaronbeiro comendo o cu da sua ajudantiContos50 cm minha picarelatoeroticomorenagoza dentro da bucetonaxxrubiaebeto.brmundobicha coroa perga mulherqui desprevinidojovens de calcoes subidos mostram as nagedas porno videostirado avingendade com negao safadesa sexowww.pornoDoidomamae dormindo com buceta a perta e filho que comelamagrinha damdo pra quimze negão com pauzao de mei metro de coprimentoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadorabaixinho Galeguinho fazendo sexo com jumentacorno.gue gui esposa ligue pra.u amate delauma mulher com uma bucetona deliciosa fudendo locamente com um picudocorno veno esposa dano cu e falano que nao guenta pornodoidox videos porno tranquei novinha no quarto e estrupei ela aforasacontos eroticos de esconde esconde"tesão e perigo em alto mar"gritano de dor com pau.no.cu do nego3 pernacumendo a naosinhana chacara o cazeiro comeu minha mulher e minha filha conto eroticocheirei a bunda da gorda conto eroticominha esposa dormindo toda gostosa todaolhadinhavídeo porno com uma negona de bunda grande recebendo três puconas no rabopesquizar pai e filha brncando nas ferias-pornodoidoquero ver filme pornô de mulher com a buceta da Bruna dirigindo porraminha madrasta vaca pornodeisinha dando a bunda.contos gay faculdadeautorizei minha mulher fuder com outrocontos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco dela