A Teen do apê 22

Um conto erótico de Jabuca
Categoria: Heterossexual
Data: 10/06/2019 23:51:23
Nota 10.00

Estou encontrando uma jovem no meu prédio que é uma loucura. Não é sempre que a vejo e nem sei o andar em que mora. Talvez, o leitor conheça alguma destas Teen fabulosas em seus pedaços. Se conheces, então faça-a personagem deste conto; pois são iguais. Tive um plano e vou colocá-lo em prática; é só aparecer a oportunidade. Tentei encontrar esta Teen e não consegui. Fiquei no hall de entrada do prédio em diversas horas, em dias diversos e nada! Um dia, bendito dia! Aconteceu um blackout no prédio, durante o dia, e ninguém utilizou o elevador. Estava descendo pelas escadas e a Teen estava subindo. No espaço que fica entre o 1º e o 2º andar, ela passou por mim - não me olhou e nem me cumprimentou.

"Oi, princesa...!" = Ela virou o rosto para trás, olhou-me nos olhos:

"Pois não...!"

"Peguei esta nota de 20 reais do chão...! Não é tua...?"

"Não...! Não é minha...!"

"Se não é minha e não é tua...! Então fique com ela...! Estará em melhores mãos...!"

Ela pegou a nota, sorriu, agradeceu e continuou sua subida.

Passaram-se tempos para vê-la de novo. Tentei encontrar-me com ela e não consegui.

Não perguntei a ninguém onde morava a Teen, assim-assim! Ia levantar suspeitas que o coroa estava interessado em fulana.

Num domingo pela manhã estou indo à padaria e vejo a Teen uns metros à minha frente. Acelero os passos e emparelho-me a ela.

"Bom-dia Princesa...!" = Ela levou um leve susto e sorriu:

"Bom-dia, como vai o senhor...? Tudo bem...?"

"Está...! Está tudo bem...! Qual o apartamento que moras...?"

"Moro no 22...! E o senhor...?"

" Eu moro no 33...! Meu nome é Jurandir...!"

"Sou a Nicole...! Chegamos...! Vou comprar pães...!"

"Eu vou na ala dos frios...! Tchau...!"

Comprei o que tinha de comprar e me dirigi à fila do pão. Nicole já era uma das primeiras.

Comprei o pão e a encontrei na fila do caixa. Fomos juntos para o prédio.

Batendo um papo leve chegamos e no hall, aproveitando que não tinha ninguém por perto:

"Nicole...! Eu gosto muito de chocolate e ao comprar para mim, aproveitei e comprei um para ti também...!"

"Oh!!! Muito obrigada, não precisava...!"

Entramos no elevador, ela saiu para o 2º e continuei para o 3º andar.

O chocolate que dei à Nicole estava dentro de uma sacolinha e preso ao chocolate, com um pedaço de fita crepe, estava uma nota de 50 reais.

Se Nicole não gostar disso, se sentir ultrajada por isso, vai falar com os pais. Se ela não se incomodar e talvez lembre de algo que gostaria de comprar; ela não falará nada para ninguém.

O tempo passou e não mais vi Nicole. Eis que me chega a sexta-feira santa e feriado para relaxar.

De manhã, tocam a campainha. Vou atender:

"Nicole...! Que surpresa... Bom-dia... Vem, vamos entrar...!" = Abri mais a porta, me afastei um pouco e Nicole entrou; fiz-lhe sinal com as mãos, apontando o sofá e ela foi ali sentar.

"Bom-dia, Jurandir...! E obrigada pelo chocolate...!" = Ela estava um pouco intimidada e tímida. Olhou para mim e:

"Fale Nicole...! Conosco não tem enrosco...! Esteja a vontade..."

Seu Jurandir...! Minhas amigas vão no show da banda Greta Van Fleet, no próximo domingo...! Está me faltando 150 reais para minha entrada; para demais despesas eu já completei. Se o senhor tiver...! Se não vai lhe fazer falta...! Poderemos devolver no mês que vem...!"

"Não tem problema, Nicole...! Você está me pedindo para lhe ajudar a fazer o que gostas...! Estas procurando ajuda para uma coisa que lhe dá satisfação...! Eu, vou pedir a você uma coisa que eu gosto...! Vou pedir a você uma coisa que me dá satisfação...!"

"O que é seu Jurandir?"

"É brincar com sua <boceta>...! É acariciá-la... é beijá-la...!"

Sai da sala e fui ao quarto. Voltei à sala com cinco notas de cem reais; mostrei à Nicole e coloquei encima da TV.

Nicole se aproximou de mim; ajoelhou-se no tapete, abriu minha braguilha, tirou minha <rola> prá fora e me fez um boquete. Passou a língua em toda a circunferência, abocanhou o <croquete> e o introduziu até à campainha do céu da boca, onde vomitou salivas em toda a minha virilha. Levantei-a do tapete, levei-a para o quarto e deitamos na cama.

Meti-lhe a língua na <cona>, chupei-lhe os lábios externos da <vagina> e suguei os lábios internos - Nicole se esparramava toda na cama. Abri-lhe as pernas para introduzir minha <estrovenga>; Nicole se encolheu e fechou as coxas:

"Na frente não Jurandir...!"

Falando assim, meio sussurrando, ela ficou de quatro - me oferecendo aquele quadril majestoso. Abri suas nádegas e enfiei a língua em seu anel precioso; o <fio-o-fó> se contraiu e apertou minha língua.

Debrucei sobre suas costas e enfiei o <instrumento> naquele <buraquinho> melado de gel. Bem guardado lá dentro, só sentia a contração da <rosquinha> de Nicole e naquele fuck-fuck, ela chegou ao orgasmo e eu me esporrei todo dentro daquele <cuzinho>. Após um breve relaxamento, fomos para o banheiro e Nicole, com o dinheiro na mão, se despediu preocupada da mãe em não encontra-la para almoçar.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
23/06/2019 16:53:41
Ótimo conto amigo..nota 10
11/06/2019 07:28:16
Ótimo conto cara, será que tem mais algo sobre a Nicole

Online porn video at mobile phone


tio pega sobrinho debrusos pelado e enrabanovinha incente do interiorxisvidios anestesiadasx video quando mete no cu danovia ela grita ta bomAlfaiate fica impressionada com tamanho do pau do negãominha gata pediu que eu metese so no cuzinjo dela contos eroticosloira da bundona deitada e homem porcima noxvideovideo porno de morena com blusa laranhadacontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesPorno gratis xvideos amador sexo com.vovozonasomenino orfanato minha esposa contoContos eróticos curtos vó vendo cadela lambendo o pau do neto Zoofiliavideos porno brasileiro família sacana meu cunhado além de me comer tira o caba co da minha filharairodigotitia lambuzou no meu pau de bostacontosetiada dormindo cem calçinhaBrinquei com minha prima de camisola e tranzei vidio caseiroso norabo xvideoadfoto da movinha mostrando a bucetinha vircenconto erotico:fui sequestrada e enfiavam consolo em mimcontos de sexo raspei minha bucetaqero assistir video de porno de baiana rebolando na pica.tia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaojantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornocontoeroticonovinhosafadoFutebol dos Heteros ? OU Nao ? cap 28contos bunduda do corno no pagode no sitiofilme porno das pantera meu tio foi passar um fim de cemana na minha casaContos Gay Iniciado pelos guri depois pelodando com dorbuceta pro pai irmaosexonaul brasileirocontos eróticos de incesto uma competição entre a minha filhinha e a sua amiguinhaxvideos morritoecontos eroticos o padre taradozairense fodendo com cavalofilme ponor di intiadas fudendo a foça vom ceu patrastonoiva casa e não sabia tamanho iria infartar pornoContos eroticos elacareca peladacontos eroticos diaristauma foda com a professorameu corno troxe um negão para me foder e tirou fotosvideos porno foi sem quere fiquei essitado sarrei na maexvidio japonesinha Semedo abusada e no banheirox video acampamentomisteriogay fazeno sexo com cachorro e fica engatadopornô negão malhado baiano com as morena baianacompetição de nudismo pintudos mais cabeçudoconto erótico sou menino mas adoro usar calcinha e ser menina do meu tio malvadovelinho de 80 ano enfia o dedo na buceta da novinhabate ela goza pelo cupornodoidolucianaContos eroticogay nestor o filho da empregadanovinha dando o cu e a buceta e convesando com voz de tesaoxvideotarada nuonibuxtubinho zofilia com cadela no cioFotos homensatrevidos peladosSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaconto de incesto quidado do pinto do meu filhosou casado e a prima da minha mulher veio morar com nosco maz umbelo dia chego e minha esposa nao esta ai pego sua prima se masturbano vou contar como foititia safada gozando esquirt contosDanielzinho e se mordendo toda de tesão XVídeoconto incesto sempre que vejp minha irmã fico de pau duro e ela cheia de tezaocontos eróticos dei pra estranhos pelo buraco na paredequando o pau do cara entrou em mim eu quase demaiei de tanta tesão meu msrido tambem vidioconto erótico homem castradoirma fudedo coma irma no esguinchovideo porno de picudo gozando na buceta de obeza e deixando a porra escorerVidio,de,yrma,de,quinzeano,bricano de,lutinha,com,yrmaomulher com mulher tomando banho nua mostrando o bichão tabacãomúsica filme pornô 2018 também é gostosa negona acelerei muito do negãocontos eroticos sobrinho xheirando calcinha da tia e batendo uma