Como eu perdi a virgindade e o bv

Um conto erótico de ShadowMoon
Categoria: Homossexual
Data: 12/06/2019 05:53:09
Última revisão: 04/09/2019 08:55:47
Nota 10.00

Olá, e ae blz? Bom; eu não sou nenhum escritor mas talvez você decida me acompanhar um pouco nas minhas descobertas, então antes de começar a contar as experiências sexuais que andam rolando comigo ultimamente, deixa eu me apresentar.

Meu nome é Eduardo e eu tenho 16 anos, se você me perguntar se eu sou hétero, gay ou bi eu vou dizer que não faço ideia, realmente nunca parei pra pensar muito nesse tipo de assunto. Já fiquei com garotas e gostei muito mas também fiquei com garotos e até caras mais velhos que eu e gostei muito também então eu vou vivendo e curtindo os momentos e pronto.

Atualmente além de bater punheta eu sou estudante, estou no terceirão da sofrência, é assim que a gente chama o terceiro ano médio no colégio que eu estudo, moro aqui em SP capital e quando não estou estudando nem fazendo algum bico pra comprar alguma coisa, estou malhando, andando de SK8 ou vagando no shopping com os amigos.

A minha aparência não é nada de mais, eu tenho mais ou menos 1,70m de altura, pele branca um pouco avermelhada do sol, eu ando bastante de sk8 e bike e faço natação. Eu tenho cabelos castanho claros e olhos verdes desse comuns que a maioria do pessoal tem. Meu físico é legal por casa das minhas atividades físicas então eu tenho músculos fortes, tanquinho na barriga, peitoral definido e essas coisas.

Uma coisa muito interessante que eu quero mencionar é que quem me olha sem conhecer me acha o tipo de garoto pegador, que passa o rodo em todo mundo, que vai pras baladinhas e coisa e tal, comedor de ppks e cuzinhos. A verdade é que nem sou nada disso, sou tímido pra kct, muito nerd de ler Harry Potter, jogar game e assistir animes. Mas as pessoas te julgam pela capa, fazer o quê? Eu sou de boa com isso.

Mas vamos ao que interessa, como foi minha iniciação no mundo do orgasmo fazendo sexo de verdade ao invés do cinco contra um. Com 13/14 anos eu era safado pra kct, punhetava de manhã e a noite e até no banheiro da escola algumas vezes, meu HD é cheio de links e filmes de sacanagem de todos os tipos e claro que apesar de tudo isso eu era um super virjão, coisa normal nessa idade e que pensando bem nem faz tanto tempo assim.

Como todo bom nerd eu adoro game, e claro que os troquinhos que eu pegava era pra comprar jogos ou tentar melhorar meu pc antigo, mas a tecnologia avança muito rápido e logo eu estava sem jogar quase nada porque meu console era um Play Station 3 e meu PC era muito antigo e não rodava os jogos novos.

Apesar desses perrengues nos finais de semana eu ia pra casa da minha tia, irmã da minha mãe, ela é meio que bem de vida e meu primo tem as coisas mais modernas assim que elas saem no mercado, logo ele tem um fuck PS4 e um fuck PC que roda qualquer coisa, e eu sempre vou lá tirar uma casquinha.

O Julinho, meu primo, é dois anos mais velho que eu; na época eu tinha 14 e ele 16 e a gente sempre se deu super bem.

Ah você deve estar se perguntando como é o Julinho; ele é um cara moreno claro e sempre foi alto. É o tipo forte mas sem músculos inchados aparecendo, se acha o gostoso mas de um jeito engraçado, tem um alargador fake na orelha que na verdade é só um brinco normal, gosta de jiu-jitsu e vive querendo testar golpes comigo mas não se sai muito bem, eu sou menor mas já era bem forte na época.

Ele é o tipo de primo sacana, eu era um safado mais sempre fui na minha, ele é um safado que não tinha vergonha de ser. Sempre me contava com detalhes que comeu fulana, chupou sei lá quem, ou que comeu o viadinho do prédio. "ele dizia que botou pra chorar na pica" sem contar que ele batia punheta sem vergonha nenhuma quando a gente estava no quarto vendo filme de sacanagem, mas eu nunca tive tesão em bater uma com outra pessoa então ficava na boa só assistindo e alisando o pau por cima da bermuda mesmo.

Mas você ai já deve está achando que esse papo todo não vai dar em nada, e que minha primeira vez foi na verdade uma furada e nem rolou nada de mais, massssss, engano seu bino. Rolou e bem rolado. Fui num sábado que eu achava ia ser super comum como outro qualquer, quando a minha mãe me disse que meus tios viajaram e pediram pra eu passar a noite com meu primo.

Claro que eu fui de boa, gostava muito dele que é como um irmão mas sem precisar aguentar 24h por dia. Então arrumei a mochila porque ia passar sábado e domingo por lá e peguei o busão. Ele mora aqui perto e não demorou muito eu já estava me anunciando na portaria do prédio.

- Entra edu.

- Diz viado. Fazendo o quê.

- Tava jogando com uns amigos, acabaram de sair.

- Queria ta aqui pra dar uma surra em vocês, bando de cobaia.hauheuahea

- Dexa de onda. hauhauahauha cadê o pinto? khauehauehaue

- Sai porra hauehaueha

É, ele tinha essa brincadeira, na verdade todo mundo tinha, foi moda entre os amigos por um tempo eu acho. Papo vai, papo vem a gente foi pro PC assistir umas lutas de MMA que estavam passando ao vivo, eu não via a menor graça mas ele sempre gostou dessas coisas.

- IIIII JULINHO E EDU NO OCTOGONO! VAI SER A LUTA DO ANO!

- Saaaai porra, nem vem.

- DUZINHO TENTA ESCAPAR, MAIS CAI OS DOIS NO CHÃO, A LUTA TÁ ACIRRADA!

Ele tinha a mania de ficar narrando as nossas lutas, eu achava um saco; nunca gostei dessas paradas mas ou me defendia ou ele fazia de mim boneco.

- Ahhh e agora, quer luta?

- Olha pro Duzinho, chave de perna é?

- Pede arrego porra, ahuhauaha

- Arrego nada, E A LUTA FICA TENSA!!!!

- Sai porra tá de pau duro hauehaeuhae

- Sai nada, E A BRIGA AGORA É DE ESPADA! hauehaueha

- Huaehaue sai viado.

Nessa brincadeira de lutinha ele estava no meio das minhas pernas e os paus começaram a se encostar e como ele não perdia uma chance começou a esfregar o pau dele no meu, o cara estava de pau duro e pra completar, nesse dia eu comecei a sentir uma coisa diferente. Nunca tinha rolado esse tipo de contato com ninguém, e sem esperar meu pau deu sinal de vida, nem deu tempo de tentar sair ou disfarçar.

- EEEE DUZINHO CONTRA ATACA, AS ESPADAS SAINDO FAÍSCA uahauehauhea

- HUEhuaehauh sai véi.

- Tu tá duro também, tá gostando.

- Ah sai dai.

- Bora lutar sem roupa hehehaeh.

- Tá doido, viadagem?

- Tá com medo Edu? Ui medo de esfregar os pintos? HUehauehau

Ele nem esperou eu dizer nada, tirou a bermuda e a cueca e veio pra cima de mim pelado e de pau duro. O quarto dele tem espaço pra essas brincadeiras e eu também estava com tesão então entrei na onda e liguei o foda-se, fiquei pelado também e a gente caiu um tentando imobilizar o outro. É claro que era mais uma esfregação do que uma luta. Eu sentia o pau dele babando encostar em mim e o meu que também estava babando muito encostava nele melecando alguma parte do corpo que não dava pra saber.

- Edu, senta assim na minha frente e me aperta.

- Apertar como, doido?

- Cola o corpo e me abraça com força porra, e junta os paus.

- Assim?

- Isso, vai bora esfregar um no outro tu vai gostar.

Eu nunca tinha ficado com o pau tão duro e babado assim antes, sentir um corpo esfregando no outro estava me deixando com tanto tesão que eu senti quando dei uma gozada e o esperma escorrendo pelo meu pinto, na hora meu corpo tremeu todo mas meu pau não ficou mole, foi como se eu perdesse o controle sei lá, apertei bem ele e comecei a me esfregar com mais força ainda.

- Caralho Edu, tu gozou.

- Sei lá, continua assim.

- Porra vai dar duas gozadas, tesão do caralho. Espera, deita ai.

Eu deitei o corpo no chão meio que sem vontade, não queria parar de fazer aquilo, você não tem ideia de como estava bom, masssss, era só o começo, a melhor parte vinha gora.

O Julinho subiu mais um pouco e sentou em em cima do meu pau, eu senti ele puxando a pelinha da minha piroca e colocando a cabeça pra fora, então senti algo quentinho encostando, ele estava sentando e metendo meu pau no cuzinho dele, literalmente. Foi a coisa mais gostosa que eu senti na vida, era macio, quentinho e úmido, sei lá, com 14 anos acho que meu pau nem passava dos 15cm, não foi difícil ele entrar todo e logo eu senti minhas bolas encostando na bunda dele. O Julinho se deitou em cima de mim e começou a me dar um beijo de língua, eu não estava acreditando aquele era meu dia da sorte. Eu estava perdendo a virgindade e o bv, tudo de uma vez e ao mesmo tempo.

- To quase gozando, tira rápido Julinho.

- Não, goza assim mesmo, bora gozar junto. Me punheta.

Eu segurei o pau dele com força e comecei a punhetar, cada movimento ele sentava mais rápido até que eu senti meu primeiro orgasmo, deu uma dorzinha bem no abdome, acho que é assim que chama, não sei quantas gozadas eu dei mas senti que encheu o cuzinho dele e ainda escorrendo pelo meu pau e pelas minhas bolas.

Ele gozou na minha mão e na minha barriga e chegou no meu peito e pescoço. A sensação foi tão boa que a gente ficou se mexendo por uns segundos mesmo depois da gozada.

- Kralho! Que foda Edu safado.

- Uhumm,

- Tua cara Edu, heuaheua

- Quê? Que tem minha cara porra ehuaheua

- Nada não hauehaueha, to morto.

- Eu também.

A gente não falou mais nada, ficamos lá deitados descansando. Eu não tenho ideia de quanto tempo durou mas aquela sensação nunca mais eu ia esquecer. A gente foi tomar banho juntos pela primeira vez também, mas não teve nada de mais, só ficou pegando e olhando o pau um do outro, medindo pra ver qual era o maior e essas coisas. O dele é um pouco maior mas ele tem dois anos de vantagem. O resto do dia e da noite a gente fez o que sempre fazia, jogos, papo, comida. Acho que a gente foi deitar umas duas da manhã.

Acontece que o tesão bateu de novo e eu estava curioso pra sentir o que ele sentiu quando sentou no meu pau. Na verdade era tudo novo pra mim e eu queria experimentar e sentir mais prazer e foi o que rolou naquela noite, foi muito foda.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
16/09/2019 10:33:55
Seus contos dão tesão demais kra, vou dar nota 10 em todos kk
21/08/2019 08:08:52
Li este depois de ler o sobre você e teu pai. Tua narrativa é gostosa de ler pois é leve, sem exageros, algo de descoberta da vida sexual e meninices. Já sou fã de tuas histórias. Conte-nos mais...
18/08/2019 21:49:23
Gostei.
26/07/2019 13:49:30
contínua logo
22/06/2019 12:09:41
Uaaauuuuu Depois de tantos anos axei um conto de vdd
14/06/2019 19:31:11
10 nota 10
14/06/2019 14:21:16
Tesão
13/06/2019 17:31:34
Sortudo,quem dera eu ter um primo assim
13/06/2019 05:27:13
Continua
13/06/2019 03:33:57
Maravilha continua
13/06/2019 02:30:28
Top demais, continua logo bjs no pauzinho kkkkk
12/06/2019 22:31:53
UAUUU. QUE MARAVILHA DE CAPÍTULO. SE VC NÃO É ESCRITOR, ESTÁ NO CAMINHO CERTO PRA SER UM DOS GRANDES. UMA LINGUAGEM JOVEM, ATUAL, CHEIA DE IRONIAS, DE FÁCIL ENTENDIMENTO. NA VERDADE SOU BEM DETALHISTA E NÃO PERCEBI ERROS. PARABÉNS E CONTINUE RAPIDINHO. PARABÉNS.
12/06/2019 22:28:53
Cara, foi show. Deu o maior tesão.
12/06/2019 10:37:31
foi excelente. continua

Online porn video at mobile phone


brincando de namorar contos gayscontos eróticos chorei mais aguentei a rola enorme do velho Beneditoesposadis pra marido voce deicha outro homen me chupar e comer minha. bocetaas panteras filmes porno a cordano minha intiadacontos eroticos menina foi brincar na casa da amiga e pai comeu amquinhafiumeporno minisaia encoxadacontos erotico de puta transando com o vovocontos eroticos ganhei um boquete no pokernamorada foi desgraçada por outro xnxxeu e minha amiga fomos iniciada na zoofiliakero ver mulher kevandi maozada na bucetatio negro de 40cm de pau no cu da intiadaQuerido lavei a conaxxx acordou com o irmao botando o pau na sua bucetaContos eroticos elacareca peladaporno corno paga dois homens de pau Grosso pra esyrupar sua mulher na frentedelex videos empurando pra demtrotia doida dançando o créu sem sutiã na frente do sobrinhocontos eroticos meninas de seis anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhocontos eroticos meninas quinze ano transando com cachorro com calcinha preta com lancinhos vermelhoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhaxxvideos coroas morenas peladinha deitada de brussoencochadas na multidaocontos eu novinha negao empurrou baita pintao no meu cuxx vedeos enpregada dando pro prataoporno pesado com etiadascontos erotico,meu genro me enrrabou dormindoo vizinho do meu amigo Autor drriputas brasileiras bucetas rasgadas zoofiliapornoencoxando nela dentro do ônibus até levantar sua saia enfiando tudo em sua buceta gozando de escorrer contos eroticos tortoMeu pai quebrou meu cabacocontos erotico transformei meu marido em mulherzinhaorgia com minha irma contoOs maxos batatudos pelados com pinto duro em vai amadorcontos erotico curvada frente namoradomarentinho querendo o cu do amigo liberei minha esposamaldade arobaro o cu da menina magra com fosavid porn casei entead fio dental fas gosa ponh casapeitos bicudos xhmsterporno mulheres levam choques na buceta e se tremem todas com as pulsaçõeso negrao enrabador ta taradaquero ver mulher alisando a Tabaca dando tapa na b*****contos porno kiko e dona florindacontos sexo com garçom em moteisflagga de mulheres deficiente fisica se mastubandoxisvido pai aliza as pernas da filhavideo pornor nagao fudendo o gay e falando fuleragem senta na minha rola vamos gozar juntosconto minha esposa no onibusgozando e arfando de prazer no cu xvideoscasa dos contos tema scarXvideo comi minha visinha fis ela gosar so esfregana a cabeca da rola na sua buceta vou contar como foipornodoidovideo longoquero ver novinha de calcinha transparente tristinha tirando a saiacache:LX1yfsMaqggJ:zdorovsreda.ru/texto/201504548 gostosas do atsaploirinha magrinha sentando no pau do negao de 70 centimetrosmorenas,magras,cabelos pretos,peitinhos videos sexConto erotico sou madura e consolo lesbicaXVídeos irmã brincando com pênis do irmão baleia orca baleiapriminha seduz com brinadeiras ate dar o cucontos boquete pagamentonovinha de sainha jeans espremendo e Goliaspornô rocheira peluda Grandeconto porno apaixonado pelo meu primo brutamontesCasadoscontos Vanessinha Diasporno zoo mulher presa no canino fodida toda noite xvideoscontos eróticos menina 25 anos transando com cachorro Calcinha Preta com lacinho vermelhosexo suor e gemidos