Daniela escrava adolescente cap. 2

Um conto erótico de Daniela
Categoria: Heterossexual
Data: 13/08/2019 16:38:44
Nota 10.00

No capítulo anterior, Daniela é uma jovem de quinze anos lésbica, seus pais são entregues a religião e são preconceituosos, quando Antônio, ex da irmã de Daniela, descobre que a jovem é lésbica vê uma oportunidade de chantagear ela para ser sua escrava.

E agora...

Eu fui pra casa ainda sem acreditar que estava acontecendo isso, nunca me entreguei nem mesmo para a garota que eu amava e tinha acabado de tocar um homem.

Me mostrei para ele e ainda teria que me depilar para ele, por mensagem no WhatsApp ele me deu instruções de como devia me depilar.

Aqueci a cera e me tranquei no meu quarto, depilei totalmente a minha buceta, suvaco, cu, pernas e barriga.

Segundo as informações eu deveria estar com a pele tão macia quanto a de um bebê, mas eu estava ardida e me sentindo despida e toda vermelha.

Eu me senti uma criança de novo quando me vi totalmente sem pelos, foi algo difícil de acreditar.

Em seguida eu tive que me vestir sem minha calcinha, era difícil usar calça jeans sem calcinha pois a costura incomodava minha pele.

Na quela noite depois de ter cumprido suas ordens ele me envia uma mensagem e uma foto, na foto ele segurava uma arma e a mensagem dizia se alguém suspeitaria sobre mim, eu respondi que estava mantendo tudo em segredo, ao ver minha mensagem ele me responde que quer ver meu trabalho de depilação e pede pra eu enviar fotos.

Constrangida mas com medo eu envio uma foto da minha vagina para ele, em reprovação ele me xinga de vadia e diz que queria que eu aparecesse completa na foto, mostrando rosto...

Eu tirei a foto e ao enviar eu vi o medo em meus olhos e comecei a chorar por estar nas mãos de um homem tão cruel.

Parei para pensar que o problema maior já não era eu ser lésbica, mas sim que ele matasse alguém que eu amava, definitivamente eu estava nas mãos dele...

No dia seguinte, uma manhã de domingo eu fui direto pra casa dele, dando a minha mãe a desculpa de que tinha um encontro de jovens com um amigo da escola, ela duvidou por um momento mas nunca dei motivo a ela para não confiar em mim, então ela deixou eu ir.

Chegando a casa de Antônio ele me manda ficar nua, ele pode ver e tocar meu corpo depilado e exposto, passamos a manhã inteira tirando fotos minhas em posições humilhantes e depois ele colocou uma música sensual, acho que era jazz, e me fez dançar como uma vadia enquanto ele batia punheta.

Obviamente eu dançava desengonçada já que nunca tinha feito isso mas ele mesmo assim ficou se masturbando e eu me sentia como uma vadia, quando ele gozou se sujou inteiro e me disse que eu devia limpar com a língua.

Eu olhei pra ele com nojo e repulsa, me aproximei dele lentamente e ele me estendeu sua mão melecada de porra pra limpar, o nojo me consumia e quando eu chegava perto acabava recuando, estava numa verdadeira luta para por minha língua sobre aquele líquido.

Ele se divertia com minha luta e em dado momento ele se cansou, me pegou pelos cabelos com a mão esquerda e me labusou a cara com a porta dele, eu sentia muito nojo e comecei a chorar por toda aquela situação, enquanto eu chorava ele pôs seu pau na minha boca e eu pude sentir o gosto salgado do esperma dele, o gosto tbm me lembrava urina e eu sentia como se ele estivesse me sufocando, com muita luta eu consegui consumir o esperma e engolir do pau dele até ficar limpo, eu chorava muito e soluçava mas ele não ligava, eu tive que lamber sua mão, sua calça e parte do sofá para limpar todo o esperma que jorrou do pau dele.

Depois disso ele me levou ao quarto dele, eu achei que ia ser estuprada ali mesmo, estava tremendo e minha barriga revirava mas ele me fez deitar no chão e saiu.

Com medo de me levantar eu fiquei ali por um tempo e acabei dormindo, enquanto pegava no sono eu senti a porra que ele esfregou na minha cara secar até que finalmente adormeci ali mesmo.

Eu fui acordada com um jato de urina na minha cara eu estava desesperada e quando percebi oq tava acontecendo eu me virei no chão e vomitei ria de mim e da minha humilhação, eu olhei a janela e vi que estava escurecendo.

Dei uma segunda olhada para meu corpo e eu estava toda suja de porra eu nunca senti tanto nojo de mim mesma.

Antônio me chamou atenção- vai embora já tá ficando tarde!

Eu perguntei- posso tomar um banho?

Antônio- não, vá pra casa, amanhã volte depois da escola, mas hj não quero mais ver vc.

Eu me vesti toda suja de porra e mijo pensando em como entraria em casa nesse estado...

Continua.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Salvador de contos a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
14/08/2019 15:34:27
Muito bom mesmo seu conto parabéns dê uma passadinha lá no meu
14/08/2019 14:39:05
Nossa.... Avemaria!
13/08/2019 22:42:45
Parabéns ...uma história deliciosa. .aguardando mais capitulos

Online porn video at mobile phone


conto gay contei pra ele que queria dar pra eleler contos eroticos menagecontos eroticos feminino ajudei o porteiro negro a fuder eu e minha irma juntoxvideos amiga derramou molho nela mesmalouras peludas taradas fudedoras malucas chamando palavraoouvir contos eróticos Aminaeu sempre brincava com as coleguinhas de mimha irmã, e prdia para eles baterem punheta para mimkomem tocab puetacoisa bramca bem groso saindo da nuceta sai so quando coloco o dedocontos eróticos encesto mae de 35 anos fodendo com seu jovem filho e gozando muitometi a rola na maninha .a chuvaradahomem tarado esfodo bucetatroncudo na putaria gayxividio centadanegao roludo emfio tudo ela assustoenfiano anter o cotovelo no travestiseternos apaixonados cap 7 conto gayeu e minha amiga fomos iniciada na zoofiliapai a reda causilha da filha enchi a bucetilha dela di porraesposa bunduda vergen anal e ovelho cacetudo contos eroticos ler conto erotico meu delegadovideos de porno hem arpmbando.a buceya da mulhermeu tio aproveitouse de mim seja perguntei a vida de sexo de travesti pornô com a nossa prima de vozporno gey istorias comi meu priminho de treze anoXVídeos novinho Cabocla tocando p******** da mulher segurando ela gosta delevei a minha noite também nua da filha me trata nua mandando minha pelada nua e vizinha tá na loja com meu pequenoFeitichi d evangelica c homemconto erotico afeminado esposa dedos no cucasada fica excitada ao ver o cavalo cruzar com égua no YouTubebucetaazedinhaxvideos velho pegando novinha sem nigeui saberxsvideo caronascontos eroticos colega negão estuprando o novinho gaycasa do contos eróticos casada gostosa magrinha com o vizinho coroaxvidios mulheres fundeno na ginástica acampando contos eroticosvideo porno marido enbebeda aesposa chama o amigo para aproveita com seu pauzaocoroa mordendo oseio egozando na cara damulhercontos de tio comedor esobrinho novinho gaycontos eróticos meu marido viajou me bloqueado me f****cantorarozana peladaxxx minina cumedo mininopornomenina bofinho pegando uma morena gostosanovinha achou que erra prachupa do negao e ser deu malcontos eróticos com professorasmorenas,magras,cabelos pretos,peitinhos videos sexxvideo..maninho do caralhaocontos eroticos a crentinhanabuceta vcaguentar amortranza.de.maljeito.x.vidioporno. cazano muita no vinhadona de casa dando o rabo subo bem dotado vídeo mostrar o vídeocontos herotico .primo do namoradovov chorando na pisa do negao pisudoesposa safada marido corno que gosta dwle ser voier e ser chingado xxxvovo gostosa seduzindo o neto contos eróticosrelatos de minha sogra e muinto greluda e pentelhudaconto bunduda peidano pauzaomeu marido perdeu aposta e eu paguei com a buceta pornoxvideos tiramo o terzaomulher casada muito excitada graga jenro fodeno a filha e fica batendo ciriricaenrabadinhavalkuiria fudenoxvidio mulher com dedo na buceta chamando jairomulher enraba seu marido bi com dildo ggcontos eroticos madrasta cachorra leva surra de pica dela fudeu tamto q espomou a buceta delafodendo o cu e levando chutecontos comi dona maria casadaGay gmios xvitioshomem chupando mulher que cor de roupa que insistir vídeo soca peladamulher casada realisando fantasia e fica com dois negrao dt youtubfiho pega mae rabuda sem caucinha de saia na cozinhaconto dominei a dominadoracontos eróticos transformação marquinha biquíniirma esta lendo livro começei a lisar ela ate comer o rabo dela pornomeu dog gigante tirou meu cabaco chorei doeu mas contoConto erotico ameacou despedir pra comer a mulher do empregadocontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgexvideo com os corno conformados vendo sus esposas sendo arrombadasporno muler de roupa transparente mostando a calcinhaxvescravo comendo escrava no qyarto da sansalaeu lembia a tua cona toudaeu virei mariquinha de negão xvideos gaycontos euroticos trai meu marido com o meu chefe na festa da empresa para ser promovidavarias gosadas na buceta xpornodoidoconto erotico calcinha aparece da minha mulhercontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgecontos minha buceta adora mao dentro fistimgdeu cu pro cavala grintou de dor e tezao inocentes