Tentou me Dominar! Levou Ferro Algemada (Conto de William Mineiro - O Retorno)

Um conto erótico de William Mineiro
Categoria: Heterossexual
Data: 28/11/2019 11:11:26
Última revisão: 01/12/2019 17:09:30
Nota 10.00

Olá, meu nome e William e estou aqui para mais uma parte da minha vida agitada na juventude!

Quem não me conhece sou autor de " A boqueteira da escola " e " Fudendo dois cuzinhos virgens, graças ao Futebol! "

Recebi alguns e-mails pedindo pra continuar com a saga que comecei a contar a 4 anos atrás, se for bem aceito as novas partes irei me esforçar para postar mais e mais contos!

Hoje estou com 25 anos, com a vida sexual bem mais tranquila do que essa época mas tenho bons contos para contar de situações recentes, terei o prazer em contar mas vou continuar seguindo uma ordem cronológica para não ter que ficar voltando no tempo!

Enfim, vamos ao que interessa!

Como eu disse no conto anterior, eu tava em uma fase muito boa da minha vida, tinha conquistado uma moto antes de completar meus 17 anos, reformei minha casa toda com muita luta e o resultado foi maravilhoso, minha mãe tirou carteira de motorista e arrumou um bom emprego logo depois que comprei a moto, eu namorava a Marcela que era uma morena espetacular e tinha várias e várias bucetas espalhadas pela cidade, estava em um momento único para um homem!

As minhas duas últimas conquistas relatadas foi a " mulher " mais gostosa da escola, a Michelle que no primeiro dia que fui de moto pra aula já fui parar no motel com ela e no dia seguinte a Jade, amiga da minha namorada, essa caiu no meu colo de presente!

Tive vários flertes com as meninas da escola, quando eu chegava um monte fazia questão de me cumprimentar, várias delas eu nem sabia o nome nem a turma, era difícil decorar mediante a tanto assédio, até às amigas da minha namorada me abraçavam com um pouco de malícia, eu não deixei isso subir a cabeça, pelo contrário, fiquei receoso pois antes eu passava despercebido e poderia aprontar tranquilamente, mas agora, eu era o centro das atenções, qualquer vacilo todos iriam saber!

Mas como um bom homem que eu sou, reparei em uma novata do segundo ano, Camila vai ser o nome dela! Ela tinha na faixa de 1,62, ela era branquinha dos cabelos tingidos de loiro, peitos médios pra grandes, cinturinha fininha e com uma bunda grande e coxas grossas! Uma delícia, não se compara com a Michelle, que era uma Panicat de tão gostosa, mas essa Camila tinha uma cara séria, tímida, bem menininha! E como nós homens somos bobos, ela não me dava nenhuma moral, eu passava perto dela ela fazia indiferença, e quase todas ao redor dela me dava condição mas ela não!

E não sei explicar mas eu coloquei na cabeça que queria aquela menina, e tive oportunidade de conversar com ela no recreio, onde ela estava andando com duas colegas e as duas vieram me abraçar, eu não as conhecia mas eu não recusava nenhum abraço, percebi a cara fechada da Camila e logo perguntei:

- Tá tudo bem mocinha ? Fiz algo de errado para você ficar de cara fechada pra mim ?

Camila: - Não! Não tenho muita paciência com famosinho!

Amiga1: - Credo Camila! O William e super gente boa!

Amiga2: - Liga não William, ela chegou na escola a pouco tempo e não conhece sua história, por isso ela tá assim!

Camila: - Desde quando famosinho tem história? Seu pai te dá uma moto e você acha que só por isso eu tenho que ficar puxando seu saco ?

Eu não disse nada, apenas sorri e sai andando tranquilamente, o recreio era muito curto e eu não iria ficar me justicando pra ela! Mas digamos que meu encanto por ela passou, fez um pré julgamento de mim só porque eu tinha a moto!

Depois da aula eu estava combinado de ir na casa da Jaqueline(Uma das irmãs do meu primeiro conto), ela tinha uma surpresa pra mim, mas eu não estava muito empolgado, vê se pode, eu com tantas bucetas para comer fiquei chateado por conta de uma menina sem noção! Foi chegando o final da aula eu estava chateado com aquilo ainda mas como eu marquei compromisso eu não iria dar pra trás!

Saindo de sala indo rumo a minha moto, de novo várias meninas despedindo e eu sendo educado com todas, mas dessa vez não estava tão empolgado como sempre estava, de longe a Michelle me deu um tchauzinho, logo depois a Jade também piscando e me olhando com cara de deboche por conta da Michelle! Chegando na moto vejo a Camila passando e me olhando e desviando o olhar logo depois! Não sei explicar, mas aquela menina mexeu comigo demais!

Chegando na casa da Jaqueline, ela estava com um roupão me recebeu vendou meus olhos e foi me levando com de mãos dadas para o quarto dela, tinha uma música no fundo bem baixinho mas bem interessante, quando ela tira minhas vendas ela é estava com uma lingerie super sexy preta, amigos, meu pau ficou duro na hora e logo vejo um chicote na mão dela com algemas na cama ela logo fala que hoje seria o escravo dela!

Só que eu não me sinto confortável com a situação de ser submisso, pelo contrário, eu tenho prazer em dominar as ações então a surpreendo com uma pegada forte, a virando de costas e usando uma das algemas para prender os braços dela, ela deu só um gritinho de " Ai ", bem safado, já ajeito ela de 4 na cama e vou tirando minha roupa, uso a venda que ela usou comigo e a vendo e com o chicote bato bem na bunda dela, mas não muito forte, e digo:

- Quem vai ser escravo aqui sua putinha ?

Jaqueline: - Eu, eu vou ser o que você quiser seu gostoso!

Eu: - Hahahahaha, sua vagabunda gostosa, hoje eu vou te ensinar!

Quando assusto a Isabela está lá assistindo rindo, então faço um gesto pra ela pegar uma cadeira pra ela assistir! E já já tiro a parte da calcinha dessa lingerie da Jaqueline e antes que ela perceba eu já vou em busca do cuzinho dela logo de cara! Ela tentou reclamar mas eu logo dei uma chicotada na bunda dela e disse!

- Calminha putinha, isso e pra você aprender a não querer mandar em mim!

Ela riu e aceitou, mas tava difícil a penetração, mas como ela estava encharcada, fui aproveitando a lubrificação dela pra ir facilitando meu trabalho e comecei a comer aquele cuzinho gostoso, a Isabela já estava no quarto de novo e mandei ela tirar a roupa em mímica, não queria que a Jaqueline soubesse que ela estava assistindo!

Fui comendo aquele cuzinho de forma bruta, só estocadas fortes e rápidas, ela gemia alto, forte. Eu não conseguia diminuir a intensidade e não parava de chamar ela de puta!

- Toma sua puta, sua vagabunda, cachorra, sua gostosa! Quer mandar em mim ? Por isso que tá levando no cu sua piranha gostosa!

Então chamei a Isabela com o dedo e entreguei o chicote na mão dela, e toda vez que eu olhasse pra ela era pra bater na irmã! Ela entendeu rapidinho e começou a chicotear a Jaqueline na bunda, eu dava tapa, puxava o cabelo e a Isabela batia sem dó!

Eu conheço bem a Jaqueline e sei exatamente quando ela goza, e nessa altura ela já tinha gozado umas três vezes, ela sempre teve facilidade de gozar e sempre uma atrás da outra! Quando ela gozou a quarta vez ela fez menção em parar pois eu tava castigando muito o cuzinho dela mas eu não diminuía o ritmo, continuava penetrando intensamente e a Isabela tava toda safada com o chicote!

Aí a Jaqueline não aguentou mais e pediu pra eu parar, eu atendi o pedido dela, tirei as algemas mas rapidamente algemei de novo na cama, ela ficou sem entender, aí eu tirei a venda dela e ela viu a irmã com o chicote na mão e começou a rir e disse:

- Vaca! Bem que eu tô vendo o William puxar meu cabelo, me dar tapa e ainda conseguir bater com chicote! Vocês dois me pagam, meu cu tá doendo demais!

Eu e Isabela só rimos, mas eu já pego a Isabela e uso outra algema e coloco do lado da irmã e começo a comer aquela buceta gostosa!

Como estava uma do lado da outra, eu pus uma das mãos na buceta da Jaqueline e outra fui dando tapas na cara da Isabela e fudendo sem dó! E ela delirava a cada estocada forte! A Jaqueline gozou mais uma vez e eu não parava de a masturbar, do jeito que ela gostava! Mas eu já estava cansado, castiguei muito o cuzinho da Jaqueline, então não tinha o mesmo ímpeto com a Isabela mas mesmo assim vou metendo e chamando ela de safada gostosa, ela demorava mais que a irmã pra gozar, mas ela começou a pedir pra não parar que tava quase, e eu também estava, então parei de masturbar a Jaqueline e acelerei o ritmo, e num momento épico, gozamos juntos!

Eu caí pro lado, deixando a Isabela no meio, cai exausto! As duas ficaram me olhando e pedindo pra tirar a algema! Eu tive uma idéia sádica!

Peguei as chaves e disse que só ia tirar as algemas se elas se beijasse, elas logo fizeram protesto, dizendo que era nojento e coisa do tipo! Então eu disse que daria um incentivo, meu pau estava esfolado, mas tava duro por conta da ideia que eu tive, então cheguei perto e coloquei meu pau bem no meio delas e mandei elas chupar uma de cada lado! Elas fizeram, foram chupando e tudo e eu afastei um pouco onde elas conseguiam chupar só a cabeça, então era inevitável uma não encostar a boca na outra! Então tirei meu pau e comecei a masturbar as duas, e mandei elas se beijarem, elas não fizeram então eu parei de masturba-las! Novo protesto, então eu disse se quiserem gozar de novo vai ter que se beijar, elas então deram um selinho, coloquei meu pau pra elas de novo e as duas com muita vontade veio chupando de novo, e depois que eu tirei enfim o beijo saiu, com isso comecei a acelerar a masturbação e o beijo delas foi ficando mais intenso, elas estavam de olhos fechados e curtindo o momento, então eu começo acelerar os movimentos e novamente a Jaqueline goza mas continua beijando e gemendo!

Tava muito bom aquela cena e então eu fui pra cima da Jaqueline e comecei a comer a buceta dela, não tinha comido aquela noite, e masturbo a Isabela, e elas continuam com os beijos, então entro no meio e ficamos num delicioso beijo triplo! Tava uma delícia a Jaqueline de lingerie sexy, a Isabela pelada! Não aguento muito tempo e gozo dentro da Jaqueline!

Agora eu morri de verdade, fico bufando de tão cansado, tiro as algemas e vamos os 3 pro chuveiro, elas não comentaram nada sobre o beijo só disseram que hoje foi incrível!

Pergunto a Isabela se o corninho do namorado dela a come tão gostoso assim, ela diz:

- E muito bom também, mas com você e muito melhor, você sabe exatamente o jeito que eu gosto!

Jaqueline: - Tenho que concordar, transamos a tanto tempo né ? Fico com pena da minha amiga Marcela, mas não tem como deixar de transar com você meu gostoso!

Eu: - Então aprende que não posso ser dominado! Hahahahah

Jaqueline: - Hahaha, com a dor que estou no cuzinho vou demorar a esquecer disso!

Me arrumei e fui embora, já era de madrugada, chego em casa e quando acabo de deitar a Luana amiguinha da minha irmã vem ao meu encontro, ela fala que demorei e já vem tirando a minha roupa, eu logo digo:

- Agora não gatinha, eu tô morto! Amanhã eu prometo!

Luana: - Tá bom, vou cobrar heim? Vou arrumar uma desculpa pra dormir aqui de novo, mas você não me dá atenção mais, minha mãe tem meu pai e você, eu só tenho você!

Eu: - Amanhã minha linda, me dá um beijo aqui!

Nós beijamos e ela saiu do quarto!

Pessoal vou tentar postar mais rápido os contos, peço por favor comentários e votos para que eu não pare de postar! O dia seguinte também vai ser fogo! Como sabem sigo uma ordem cronológica e cada detalhe que passo para vocês que aparentemente não tem contexto com o conto, e para vocês entenderem meu sentimento na presente data e se sentirem na minha pele e como cada situação se enrolou, além de dar brecha aos próximos contos!

[email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
28/11/2019 18:52:00
Muito bom, que bom que voltou
28/11/2019 17:01:53
Caralhoooo velhoooo eu ja tinha perdido as esperanças de ler a continuaçao desses contos, mano vc é foda e tem um dom pra escrever que é uma coisa fora de série!! Acompanho vc desde o inicio da saga e fiquei bel triste quando vc parou de publicar, espero q volte cm tudo e ja to ansioso pela continuaçao!! Parabéns pelo conto incrivel cara.

Online porn video at mobile phone


contos eróticos mamãe deixa novinha com padrastopaguei caro casa dos contos eroticls gaynovinha gostosa tira roupa oro cunhadocontoseroticos/comadre rabudaponhei chupa meu pinto sua vagabunda na vizinhacontos eroticos cheirar calcinhatarado estorando boi no mato xvidio.commenina trirano cabaso do guri de 17viagei a trabalho e meu noivo virou corno o homem me dominou gozei na bucetinha da minha cunhadinha que ficou muito brabaContos eróticos: brincando com meninasvelha tarada mandando a neta chupa a buceta dela a força e da porradafotos cazeira bucetas escapando pelo vestidodois negros de 40cm de pau no rabo da intiada e sublinhainiciar download de zoofiliasikis iremmelangonha conto heterocoroa de shortinho branco e encostada na geladeiraQuero ler contos escravos roludos macho alfa familia realcomo faze a mulhere no gta xupare no gtaencosto na bunda da mulher no onibuscasa dos contos eroticos/julianaconto cu entaladoConto erotico fudendo a novinha antes dela virar freira ela nao aguentameu cachorro lambe minha caucinha nas minnha coxaspornô doidão lavano carroXVídeos homem machucando mulher com uma pinçaconto erotico filha novinha de chortinho curto postado no dia 22 02 2018visinha jemendoconto erotico seduzindo homem velho coroa grisalhocontorcionista dilataçao anal pornowattpad enteado gay chupando o pau do padrasto musculosobaixar vídeo de sexo de cachorro e mulher ponto comcontos eiroticos leilapornSEquestrei conto eroticonovinha gritano e gosanoXxvideo so a cabeci.ha nela dormindocontos gay chule do padrinhoxvideo conto corninhocontos eroticos filha novinha fazendo uma chupeta pro seu pai do pau de trinta centimitrocontos eróticos os melhores eu e minha esposa recebemos uma visita de um casal de idadeporno brasil a emtiada amadrasta i o travestisnovinha shortinho finos pegando no pau do namoradoo pau do meu sogro e muito grande contoseu gosto daquelas gostosas sem vergonha de pomba limpinho e alisa no chuveirocontos+corno mulherzinhacontos eiroticos leilapornquero ve os telefoni das mulhe de curitiba casada que gosta di da a buceta para oto omhe deixa teu telefoneesposa rabuda na dp com amigos contosmorena boa tocando punheta pro cadaverum fingidor me chupou o pau do filhodelirando sexo filhinha inocente 18minha vizinhançaxvideoscontos eroticos cunhado com scatpes da prima contosmostra ceu pruquito que. eu mostro meu paucontos sexo minha esposa nossa vizinhaminha mae e a travestis contoscuiada provoca cuiado d xortiu de dormifotos de bucetas beiçudas pono doidoxxvibeo comeo mea da amigaobrigacao mulher tira roupa e abre as pernas conto eroticodona sebastiana dos peitos grande faz sexo com o compadre contos eróticoswww.bbucetas rarascomo passar a pomada azulzinha na buçetaSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhapega transando tekinhaXVídeo pornô das Panteras trepando só com os irmãos ocupar esse corpinhoincestossexo com animaistransei com a sobrinha no baile funk contoxvideo as pantera tio vendo pela braxa da porta sobrinha no banhoContos eroticos de esposa traindo marido com amigonovinhas das bundás gandê xvdeosSodomizando mãe e filha contosxvideos coroas enpegada faxineira limpando a louça e o patrao chega em casa e acaba fazendo sexo com elaxvideo novinha transando com pones 2018contoerotico eu namorada mae e tiocontos eróticos de entregador de agua como dona de casawww.novia gritando na picagrade.com.brhomem casado do Rio de Janeiro Baixada Fluminense quer outro filho para sua esposa que ela adora chupar outra pica