Eu, meu amigo, e o consolo com duas cabeças.

Um conto erótico de Garoto17
Categoria: Homossexual
Data: 01/12/2019 23:29:49
Última revisão: 05/12/2019 02:34:35
Nota 10.00
Assuntos: Gay, Homossexual

Final de bimestre é muito foda, mas depois de meses de puro estresse finalmente as férias estão chegando. Ano que vem é terceirão, mas blz deixa eu me apresentar aqui porque alguém que está lendo pode não ter lido nada do que eu contei antes e não me conhecer.

Então; Meu nome é Edu (claro que não é Edu mas todo mundo aqui na cdc parece que se chama Edu então eu sou vou ser Edu), eu tenho 17 e sou aqui de SP capital. Minha vida é bem comum; escola, amigos, passeios de bike no Ibirapuera, voltas de sk8 e essas coisas. Minha aparência é o que o pessoal chama de padrãozinho, na boa eu nunca entendi porque chamam assim. Blz deixa eu ver o que posso falar mais; eu sou branquelo mas não muito, devo ter por volta de 1,75m, meu cabelo é cacheado estilo ator de malhação (to zuando) e castanho claro, olhos castanhos, e um corpo em forma. Eu não sou saradão nem nada assim mas sou definido porque curto pegar trilhas, e quem pega trilha de bike lá no parque do Ibira sabe que tem umas mais tensas que exigem tipo um condicionamento físico mais forte, ai somando o SK8 e a natação na escola eu fico com um físico legal. O pessoal me deu umas dicas de onde postar fotos então eu fiz uma conta e postei uns nudes aqui 👉 http://pt.cam4.com/garotosp01

Agora chega de falar de mim e deixa eu falar de um dos meus melhores amigos, o Will. Ele é daqueles caras super brother, a gente é amigo desde sempre, eu nem me lembro quando a gente se conheceu. Ele tem 19 anos, dois anos mais velho que eu, e a gente fala sobre tudo e conta tudo um pro outro, ou quase tudo. O Will é moreno, quase negro, é um cara bonitão estilo grandão e forte. Ele gosta de malhar e é até um pouco exibido com o corpo, as garotas aqui das redondeza quando veem ele ficam todas com as bucetas batendo palma.

Como eu disse antes eu conto tudo pro Will e ele pra mim, então um dia a gente falando de sacanagem eu resolvi contar pra ele que era bi, e falei do meu tesão em ver que a pessoa está sentindo prazer com o que eu estou fazendo com ela, e todas essas coisas. Resumindo, contei que sentia tesão em causar prazer.

Por mim estava tudo de boa mas desde aquele dia o Will ficou agindo diferente comigo, claro que eu notei um pouco de distanciamento e essas coisas, mas pelo que eu conheço dele eu ser bi não era nenhum problema. Então eu pensei que ele devia ter achado estranho o que eu contei pra ele, mas pensando direito também não me pareceu nada de mais. Então que porra era o problema dele? Vocês entendem minha confusão? Tipo, eu notava que ele estava diferente, mas também não comentava nada porque era algo muito discreto da parte dele.

Isso durou um tempo, até o dia que juntou a galera pra jogar Banco Imobiliário na casa do WIll. Os pais dele não estavam em casa é claro e só voltavam no outro dia. A gente ficou até tarde e por volta de umas 23h a galera foi vazando mas ele me mediu pra ficar pra jogar game, ou então pra eu dormir por lá mesmo e a gente varar a noite jogando. Por mim tava blz, eu fui em casa com a bike dele peguei minha roupa de dormir e a escova de dentes, enrolei na minha toalha e voltei pra lá.

Quando cheguei o pessoal já tinha indo embora, então entrei e a gente se jogou no sofá e foi jogar FIFA, é um game de futebol do PS4 pra quem não conhece. A gente foi jogando e ele começou a puxar papo, deu umas enroladas e acabou voltando no assunto do outro dia sobre sexo e sacanagem. Eu já aproveitei o assunto e comentei que achei ele meio diferente depois daquele dia, foi ai que rolou o papo com sinceridade sem ficar escondendo nada, eu me lembro mais ou menos como foi:

- Assim Edu, tipo, eu também tenho tesão mas fiquei com vergonha de contar.

- Como assim tem tesão? Todo mundo tem tesão.

- Assim, sabe quando a gente bate uma com o dedo no cu? Então, eu curto isso.

- Porra! Pensei que era outra coisa, era só isso?

- Não, tipo; eu até comprei uma parada pela internet entendeu, comprei uma rola daqueles de borracha, hehe

- Foda, é bom mesmo esses brinquedos?

- Nossa é bom, acho que real deve ser assim. Se eu te perguntar uma coisa, você não leva a mal?

- Não, de boa manda ai.

- Tipo, transaria comigo? Por causa daquele lance que você gosta de fazer a pessoa sentir prazer, deve ser foda. Mas sem perder a amizade.

- Huehueheu sério? Deixa de onda.

- Sério pô, mas tipo se a gente continuasse amigo entendeu.

- Ué, claro que transaria, nada de mais sentir prazer, quem não gosta.

Foi ai que comecei a entender a situação, ele queria transar comigo mas estava com medo de perder a amizade. Ele fechou a porta do quarto mesmo não tendo ninguém em casa, foi no guarda roupa e pegou uma caixa não muito grande. Foi ai que ele tirou de dentro uma rola de borracha, pqp parecia real, e ela tinha duas cabeças, uma de cada lado, ela ficava guardada em forma de U dentro da caixa.

Confesso que pegar naquele brinquedo já me deixou com tesão, já comecei a imaginar como seria a cara que o Will fazia quando tava gozando, ou o que ele fazia quando tava sentindo prazer batendo uma com aquela rola enfiada.

Eu não falei mais nada, encostei nele e fui empurrando pra cama, tirei a minha camisa e a dele e a gente começou a se beijar. Transa sem beijo deve ser muito sem graça então eu comecei a beijar numa boa. No começo ele estava meio tipo travado, com vergonha sei lá, mas depois de uns minutos, quando a gente ficou só de cueca no maior sarro, ele foi se soltando.

Eu estava na maior pilha pra ver ele sentido tesão, então comecei a beijar o pescoço e o peito, e a velha manha que nunca falha de dar uma chupadinha nos mamilos. Dei uma olhada bem discreta pra cara dele e bum! Ele estava de olho fechado, era o sinal que tava entregue e ai foi só lazer. Fui lambendo a barriga e cada gominho, cheguei perto do pau e alisei os pelinhos dele segurando nas bolas, pqp o cara esfregava as pernas na cama, tesão do kralho.

Quando eu segurei as bolas dele com uma mão, botei a cabeça do pau pra fora com a outra e dei uma chupada, não chegou a ser aquele lance de garganta profunda porque não consigo fazer isso, mas o cara deu uma gemida do karaleoooo. Eu queria ter gravado pra ficar escutando e bater punheta. Comecei a chupar em baixo das bolas, passei a lingua no cuzinho dele que tava piscando e até meio quente, nossa tava muito bom aquilo, eu punhetava e lambia o cu dele, que dava pra sentir piscando na minha língua.

Quando eu saquei que ele tava maluco de tesão eu perguntei se ele queria outra coisa.

- Will, quer sentir minha rola?

- Ah sei la cara, tipo eu nunca dei, não sei.

Eu tava no meu modo safado super ativado então eu tinha que pensar rápido ou o tesão começa a diminuir, (sim eu consigo perceber isso me chamem de estranho). Foi ai que eu tive a ideia:

- E se a gente der junto?

- Como assim der junto?

- O brinquedo po, tu comprou pra que, o negocio aqui tem duas cabeças.

- Kralho que foda, tu topa?

- Claro que topo.

Ele levantou e foi pegar aquele creminho básico, ver ele levantar de pau duraço foi foda de mais, o Will tem um pau do tamanho do meu, tem uns 18cm, sim eu tenho 18 se você viu as fotos deu pra confirmar. O pau dele é moreno e grossinho e tem a cabeça meio rosada.

A gente se deitou de pernas cruzadas e colocou o caralho de borracha no meio, tava bem lubrificado então quando a gente fez um pouco de força já começou a entrar. Eu não sou muito de ser passivo então sou meio sem prática, o caralho de borracha era do tamanho do nosso e senti doer um pouco, eu fui devagar mas foi entrando e começou a dar tesão. Ele não era tão comprido e logo a gente já tava de bunda encostada na outra, as bolas se tocando e os paus colados. Will teve a ideia de vestir uma camisinha nos dois caralhos pra eles ficarem bem juntos roçando um no outro então imaginem o tesão, os paus se esfregando e a gente se movimentando com aquele brinquedo enfiado bem no cuzinho pqp eu tava pirando, na verdade os gemidos e os movimentos do Will que estavam me deixando mais maluco.

Depois de um tempo assim a gente começou a sentir que ia gozar então parou. Eu super queria comer ele, queria ver ele gozando comigo dentro e também queria que ele visse que eu falei a verdade quando contei que tinha tesão em fazer as pessoas sentirem prazer.

- Will, goza comigo dentro?

- Vem Edu, mas cuidado kralho, eu só usei meu brinquedo até hoje.

- De boa, se não gostar eu tiro.

Segurei as pernas dele e encostei a cabecinha do meu pau no cuzinho, tava piscando ainda por causa do kralho de borracha então eu fui penetrando devagar e foi deslizando pra dentro dele. Ele começou a gemer, eu deitei por cima dele e abracei com força, queria escutar ele gemendo no meu ouvido.

Comecei a bombar bem de vagar, tirando e depois botando, as vezes eu tirava quase tudo só deixava a cabecinha dentro, o cuzinho dele piscava e fazia quele lance de ficar sugando meu pau. Eu tava com tanto tesão que quase não consigo segurar.

Continuei fazendo isso uns minutos mas quando dei outra sugada no mamilo ele não conseguiu mais segurar, pqp foi a melhor parte, aquele cara negão gostoso da porra todo se contorcendo e gemendo de tesão. A porra dele espirrava pra todo lado, eu nem toquei no pau. Parece que cada estocada minha saia um jato de porra, kralhoooo foi foda de mais. Eu fiquei metendo um pouco mesmo depois dele ter gozado, mas quando fui tirar ele pediu pra continuar.

- Goza dentro Edu, quero saber como é, vai goza dentro.

- Kralho vou gozar Will, kralhooooo.

Ele me apertou e meteu o dedo no meu cu, foi gostoso de mais ele enfiou certinho o dedo do meio, acho que só aumentou meu tesão porque fazia um barulho tipo squish, squish, squish cada vez que eu gozava dentro dele e metia de novo. No final a gente caiu cada um pro lado da cama, super acabados. A gente so conseguiu falar algo depois de uns minutos eu acho.

- Porra Edu, tu gosta mesmo dessa parada de ver a pessoa gozando.

- Eu falei que gostava.

- Que foda doida, se eu soubesse nem tinha comprado isso.

- Não véi, é da hora o brinquedo, foi foda.

- Bora banha?

- Bora, to todo esporrado.

A gente foi pro banheiro e não rolou nada durante o banho só papo sobre a transa mesmo. Deu pra perceber que a gente continuava amigos e eu fiquei super tranquilo. Claro que depois não rolou mais game e nem mais nada, a gente foi se deitar de tão acabados hehe.Agora era só esperar bater o tesão e a gente se divertir de novo, e claro que aconteceu, e claro que rolou com nosso amigo Fefito. Sei lá como chama transa a três, tem um nome ai mas eu esqueci. É isso, to ficando quase sem estoque de transas, mas ainda tenho umas duas ou três pra contar. Fora as punhetas com o coroa (meu pai) que a gente se diverte.

Falo, até eu contar a próxima transa ou punheta. 👊✌


Este conto recebeu 9 estrelas
Estamos testando um novo formato de votação. O ranqueamento será feito não mais pela média, mas apenas pela soma das notas oferecidas. As notas também serão apenas de uma, duas ou três estrelas. Isso deve evitar que haja quedas repentinas do ranking por conta de ataques por alguém que queira manipular os resultados. Se tiverem dúvidas, .

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
04/12/2019 21:39:48
massa
04/12/2019 20:27:59
A transa a três se ménage à trois. Adoraria ir a SP para transar contigo e teu tio ou contigo e teu pai ou contigo e Fefito.
04/12/2019 15:35:17
VOU A SAMPA SO PRA TE CONHECER
03/12/2019 22:02:49
Queria achar alguém igual a você pra brincar um pouco.
02/12/2019 23:02:41
Como faço pra entrar em contato com vc cara?
02/12/2019 21:11:31
SUPER INTERESSANTE. PENA QUE DERAM UMA SÓ. PODERIAM TER CONTINUADO NO BANHO. MAS VALEU. TB QUERO LER SOBRE VC E SEU PAI.
02/12/2019 18:40:43
Delícia de conto!
02/12/2019 14:03:48
Caramba, deveria fz uma live no cam4 fazendo sexo que aí vc ia ter chá de se as pessoas gozando, conto muito bom, acompanho desde o início.
02/12/2019 01:03:01
Ótimo conto... Escreva mais!

Online porn video at mobile phone


xerinho de xereca . aideliciatentou resostir as caricias da massagista mas nao .consguiu lesbicas pornodoidodeu duas mexidinha e gozando em cima da buceta pornôquem é o divã roludo ?EMYRYZ-CASA DOS CONTOS ERÓTICOS|zdorovsreda.rumorena anda na rua de vestido branco ai himen vai ate la e fode elaconto erotico menage masculinomeu filho me faz de puta capitulo 8 e 9 relato eroticogatinhas gostosas e perversa .porno de foo dental metendo gostosofazendo buceta sofrer com pau extraordinariamente grosso pornoconto erotico curradatravesti de bunda grande mas gostosa do recife ponodoidopegei minha cunhada xhmastercontos eróticos transformação marquinha biquínicontos verdadeiros:sou uma advogada madura e fui errabada pelo meu caseirodoce nanda parte IV contos eroticosfilme porno "a primeira vez ninguem esqueçe"conto zoofilia papai eu e nossa cadelacontos fudedor criolo de voadinhos e gayschupando rolaincertoContos erótico deixei minha mulher na balada para me pôr chifresnovinha você não afrouxe do cabelo que se não for a música completoxxvidio resentimentecontos eróticos de mulheres se vingando de rivalgueyzinho gracinha arrebentei cuzinho deleXVídeos uma mulher de 28 anos de baby doll arrumando a casafrutaporno sexo dp com limpadores de piscinaalgumas imagens da de um homem chupando o priquito da mulher nem bem ainda mais colocava a piroca dentro do filho da mulher e ainda mais a mãe brigava com elevideosporno.koasi noviasobrinho comendo o cu da tia com piroca acogumeloeu e amigas fudemos juntas com um pauzudopornodoido maestral punhetacontos incesto xota enrabadapesquizar pai e filha brncando nas ferias-pornodoidoquero ver novınha que sao empregada fudendoadryelli pornodoidogranfina brasileira sequestrada e fode e gozaemprego decente conto eroticocabecudo guspinno porracontoseroticosvariasgosadasminhavisinha jemendopornodoidomamaegostosa e filho virgemcontos eróticos d alguém q adorava ser molestacachorro estorou a bundinha da gostosa de minisaiasiririca em horas inoportunasamante goza dentro e a puta se abaixa e dispeja na boca do cornoConto erotico andei mancando depois do negaoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoraContos de marido fazendo esposa cadela confessar traiçãoencoxada na rabuda d xorti com o pau pa forapornô por favorzinho Tô doidinho com a parte 1mae fodermo com o filhocinquentona brincando com pauzudo dentro do carrofuderao a gostoso na prainhaesquece o Paysandu virgindade da filha bem novinhacontos eroticos viciei minha sobrinha wattpadconto gay soqueicontos erotico abusando da irma pequenalesbicas praticantes de lactofilia xvideos hdvideos de novinhas perdendo o selinho e chorando na hora que o pau entra na bucetinha viagem delaswww.homem moreno na ambulancia mundobicha.comrevezamento minhabunda casadafudendo minha sogrinha e minha esposa me comendo gostoso contocontos de sexo depilando a sogragordinha griluda seno curiada pelo cuiadoenteada flagra transa de adoria participarxvideos cheguei em casa com a buceta melada de porra e falei pro corninhomim obrigaram a comer minha mae contos eroticoBusetinha lizinhamarido goza batendo uma vendo mulher agarrada por outro macho